Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Club dos contos eroticos » Contos Heterossexuais » Escondido de todo mundo

Escondido de todo mundo

Publicado em 25/05/2023 por Fatpimp

Mais um conto real pra vocês

Não lembro o motivo, mas estava de folga numa sexta-feira, talvez fosse sexta-feira santa. Tinha que trabalhar no sábado.

Estava em casa quando recebi uma ligação inesperada… Milla.

– Oi, negoooo… tá em casa?

– Estou, sim…

– Vem pra cá… o pai e a mãe foram pra praia com as gurias. Tô sozinha… vem… a gente pede uma pizza e transa a noite toda!

– Tô indo…

Tomei um banho, preparei minha mochila e fui “dormir” na casa da Milla.

Era uma situação perigosa e excitante. No bairro onde Milla morava, tinha muitas pessoas que conheciam minha namorada oficial. Milla era aquele gostoso lance casual.

Mas que se dane. A excitação do proibido é muito mais gostosa.

Peguei o ônibus que me deixava na entrada da vila onde ela morava. Andei depressa pra ninguém me ver. No caminho, liguei pra Milla… pedindo pra prender os cães e deixar o portão aberto. Ela assim o fez.

– Oi, negaa…

– Oi, negoooo… que bom que tu veio!!

Um beijo longo pra me recepcionar, ela estava quase sem roupa.

Ficamos nus e fomos foder.

Ela estava com fome de sexo. Fomos transar no quarto dos pais dela. Numa cama super confortável.

Deitei e Milla abocanhou meu pau com uma fome incrível.

– Que pau gostoso tu tem, negoo… adoro chupar essa tora!!

E ela chupava gostoso. Cabeça, bolas… chupava e lambia tudo.

Depois de uns 15 minutos só me chupando, Milla sentou na minha cara e me mandou chupar ela bem gostosinho.

– Me chupa safado… sente o meu gosto… aaaaaiiiii… que língua safada…

Milla era 8 anos mais nova que eu, mas tinha um jeito de mulher experiente. Era muito gostoso transar com ela.

Não demorou muito e ela gozou na minha boca.

– Cara… trepar contigo é bom pra caramba. Perfeito… tu sempre me faz gozar.

Deitou na cama e pediu vara.

– Agora eu quero o teu pau na minha buceta.

Encaixei a cabeça da caralha na bucetinha dela e meti devagar. Fazendo minha preta gostosa gemer de prazer. Olhei fixamente nos seus olhos, beijei sua boca e comecei com movimentos fortes… arrancando gemidos da gordinha.

– Me fode , meu ******* (um apelido secreto, só ela me chava assim). Fode a minha buceta, só tu me come assim…

Eu metia com força e ela gozava. Me beijava e dizia meu nome…

– Max… me come, negoooo… me fode… eu vou gozar de novo… eu vou gozar…

Acelarava as metidas e minha preta gozava gostoso. Botei Milla de 4 e dei um tapa na raba dela. Ela gemeu e disse:

– Ticudo e bom de cama. Como tua namorada não sabe de aproveitar… tem mais que levar chifre mesmo.

– Sorte tua, né?!

Meti o pau e Milla estremeceu toda. Agarrei ela pela cintura e continuei metendo como antes, só queria fazer ela gozar de novo.

Enquanto eu metia, Milla xingava e até chorava as vezes. Sua buceta ficava toda melada. Ela parava tudo e vinha me chupar. Gostava de sentir o próprio sabor na minha pica.

– Gosto de buceta preta na tua rôla gostosa, meu negoo… adoro essa pica gostosa… cacete lindo… perfeito!!

Botei ela de ladinho e plantei a mandioca nela. Milla se agarrou nos lençóis e gemeu alto.

– Puta que pariu… Max… esse caralho entra fundo… me fode, amor… fode a tua negaa…

Estávamos transando a quase uma hora… já estava querendo gozar.

– Negaa… eu vou gozar!

– Goza nas minhas tetas. Me dá aquele banho de porra que só tu pode dar!!

Gozei uma chuva de porra nos peitos lindos dela. Ela adorava aquilo.

– Adoro quando tu goza assim. Que delícia, negoo.

Nos beijamos e fomos tomar banho. Um banho gostoso e demorado.

Depois do banho, voltamos pra cama. Ficamos namorando e dizendo bobagens.

Milla ligou pra pizzaria, pediu uma pizza super família. Dois gordinhos gostam de comer bastante.

Quando o entregador chegou, tive que me esconder… era um amigo nosso fazendo a entrega. Seria bom não ser visto por ele.

Jantamos e voltamos pro quarto. Recomeçamos nossa maratona de sexo. Naquela noite dormi muito pouco.

6h da manhã acordei pra trabalhar. Foi ruim ter que sair de lá e deixar aquela gostosa sozinha na cama. Fui trabalhar feliz e triste ao mesmo tempo.

Espero que tenham gostado de mais um conto real. Até mais!!

435 views

Contos relacionados

Dei gostoso a Buceta um velho negro em sua casa .

Meu nome é Laura tenho 24 anos solteira clara cabelos pretos lisos compridos abaixo dos ombros, tenho 1 69 altura bunda grande empinadinha, seios fofinhos durinhos e fartos , eu tenho uma cintura...

LER CONTO

No meu carro ela era outra mulher

No meu carro ela era outra mulher Vou contar um segredo, algo real aqui.... Sou evangelico, moro em Campinas e não  consigo parar de adulterar... O que vou relatar é  real. Vou preservar nomes...

LER CONTO

Como ser mulher de dois homens.

Conto erótico  Como ser mulher de dois homens em audio Oi gente sou a Brenda vcs já me conhecem dos relatos que aqui contei...a mudança em nossas vidas é real tanto que tony falou que...

LER CONTO

Encontro ao Acaso

Conto erótico Encontro ao Acaso em audio Era uma sexta-feira por volta de umas 21:30, após uma semana corrida e cheia de desafios nada fora da rotina, mais era daqueles dias que eu não...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 5 + 5 = ?

Parceiros Do Site

© 2024 - Club dos contos eroticos