Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Club dos contos eroticos » Contos zoofilia » Conto erotico OS GATOS DE TITIA.

Conto erotico OS GATOS DE TITIA.

Publicado em 15/09/2023 por Meline Silva

Audio Conto erotico OS GATOS DE TITIA.

OS GATOS DE TITIA.

QUANDO MEUS PAIS VIAJARAM, MAMÃE QUEBROU MEU BARATO DE FICAR EM CASA SOZINHA FRUSTRANDO OS PLANOS DE ESTAR COM AS MENINAS ME MANDANDO IR PARA A CASA DE TITIA MESMO SABENDO QUE DETESTO IR LÁ POR CONTA DE SEUS GATOS QUE VIVEM PELA CASA, O ÚNICO LUGAR QUE TITIA NÃO DEIXA ELES IREM É NA COZINHA MESMO ASSIM TENHO NOJO NÃO QUERENDO NEM BEBER ÁGUA QUANDO TENHO QUE IR LÁ.

ASSIM QUE CHEGUEI MUDEI DE IDEIA COM ELES VINDO SE ESFREGAR EM MIM ME DANDO BOAS VINDAS E COM AJUDA DE SILVIA, A MOÇA QUE CUIDA DELES ME AJUDOU COM A MALA ATÉ MEU QUARTO SENDO MUITO SIMPÁTICA ME ORIENTANDO A MANTER A PORTA DO QUARTO FECHADA PARA ELES NÃO ENTRAREM, PORQUE GOSTARAM DE MIM E PELO QUE VIA NÃO IAM ME DAR SOSSEGO.

porno telegram

DEPOIS DO ALMOÇO PASSEI A TARDE TODA NA PISCINA COM TITIA RINDO ENQUANTO SILVIA ME MOSTRAVA A CASA DOS POUCOS MENINOS QUE MORAVAM POR ALI E QUE GOSTAVAM DE MENINAS PORQUE A MAIORIA ERA TUDO VIADO SENDO UM DESPERDIÇIO PORQUE ERA CADA GATO, UM MAIS LINDO QUE O OUTRO, POREM GOSTAVA DAS MESMAS COISAS QUE NOS GOSTAVAMOS.

A TARDE IA EMBORA QUANDO DONA MARIA NOS CHAMOU PARA LANCHAR, AO ENTRAR FIQUEI E DEIXEI TITIA SEM GRAÇA AO VER SILVIA RECOLHENDO O COLCHONETE DO CHÃO DE SEU QUARTO CORRENDO NUA PARA FECHAR A PORTA DEIXANDO OS GATOS, QUE ESTAVAM À SUA VOLTA OLHANDO PARA ELA COM ALGUNS NEM LIGANDO AO ME VER OLHANDO PARA ELES TENTANDO ENTENDER SE PROCEDIA O QUE ACHAVA QUE ERA E ME PEGANDO PELO BRAÇO TITIA RIU ME LEVANDO PARA A MESA E ASSIM COMO ELA DONA MARIA ME OLHAVA MEIO DE LADO.

DURANTE O JANTAR, NÃO FOSSE TITIO QUERER SABER DE MIM, ME DEIXANDO ENVERGONHADA COM SEUS ELOGIOS TERÍAMOS COMIDO CALADAS PORQUE TANTO TITIA COMO SILVIA NEM SE OLHAVAM PARECENDO ESTAR COM MEDO DE EU DESCOBRIR ALGUMA COISA COM SILVIA ME OLHANDO DISCRETAMENTE COM SEUS OLHOS DE SAFADA ME DANDO CERTEZA QUE ACONTECIA ALGO ENTRE ELA E OS GATOS.

COSTUMO DORMIR NUA, PORÉM POR ESTAR NA CASA DE TITIA E TITIO NÃO PERDER TEMPO PARA ME COMER COM OS OLHOS, RESOLVI FICAR DE BABY DOLL QUE MAL COBRIA MEU CORPO COM O SHORTINHO LARGO ME FAZENDO DESEJAR MOSTRAR A BOCETA ASSIM COMO SEM QUERER ENQUANTO DORMIA IMAGINANDO O SAFADO DO TITIO ME ESPIANDO ME DANDO SENSAÇÃO GOSTOSA E CANSADA DE DESFILAR PELA SACADA SÓ VENDO O MAR DE CASAS E A MATA LOGO ACIMA FUI DORMIR DESEJANDO QUE PELO MENOS SILVIA VIESSE MEXER COMIGO O QUE ME DAVA ARREPIOS SÓ EM PENSAR NISSO E ASSIM ACABEI PEGANDO NO SONO.

SONHAVA QUE ESTAVA PRESA NA PRAIA COM UM MONSTRO HORRÍVEL CHEGANDO PARA ME PEGAR ENQUANTO TENTAVA A TODO CUSTO ACORDAR PORQUE ESTAVA SUFOCADA COM ALGO FAZENDO PESO SOBRE MIM ME DANDO CALAFRIOS QUANDO AS ONDAS MOLHAVAM MEUS PÉS, QUANDO UMA ME COBRIU ACORDEI APAVORADA FAZENDO O GATO QUE ESTAVA DEITADO EM CIMA DE MIM CAIR FICANDO EM POSIÇÃO DE ATAQUE ENQUANTO O OUTRO, COM A CABEÇA DENTRO DE MEU SHORTS LAMBIA MINHA BOCETA COM SUA LÍNGUA ÁSPERA COM SUAS UNHAS, MESMA APARADAS DOENDO QUANDO MASSAGEAVAM MINHA BOCETA PARECENDO QUERER ABRIR ELA E ROSNANDO PARECENDO PRONTO PARA ME ATACAR, QUANDO FECHEI AS PERNAS TIRANDO O DE MIM, TITIA CHEGOU PARA ME SOCORRER PORQUE OUVIU MEU GRITO DE ASSUSTADA TIRANDO ELES DE MINHA CAMA.

ME SENTIA ESTRANHA SUANDO FRIO COM O CORPO PEGANDO FOGO, NÃO CONSEGUINDO DESVIAR OS OLHOS DO LINDO CORPO DE TITIA PORQUE ENQUANTO LEVAVA DOIS GATOS NO COLO, COM OUTROS ACOMPANHANDO ELA, O PENHOAR ABRIU E ME MANDANDO MANTER A PORTA FECHADA, SE QUISESSE É CLARO ME JOGOU UM BEIJINHO, FECHOU A PORTA E SAIU E SÓ ASSIM PERCEBI MINHA BOCETA MELADA PARECENDO QUE IA PEGAR FOGO ME DANDO CONTA QUE ESTAVA TENDO MEU PRIMEIRO ORGASMO QUE SE INTENSIFICOU QUANDO DEITEI E RELAXEI O CORPO, TANTO É QUE ATÉ HOJE QUANDO FALO PRAS MENINAS QUE FOI UM GATO QUE ME FEZ GOZAR PELA PRIMEIRA VEZ NA VIDA, FICAM ADMIRADAS QUESTIONANDO ONDE CONHECI UM GATO CHAMADO ALFREDO.

QUASE PERDIA OS SENTIDOS PORQUE ESSE PRAZER SE INTENSIFICOU DE TAL MODO QUE ACHEI QUE IA MORRER DE TANTO TREMER COM CALAFRIOS E DESFALECENDO VI UM VULTO TURVO ME OLHANDO, DEPOIS SOUBE SER TITIA QUE FECHOU A PORTA DEVAGARZINHO E ME DEIXOU SOZINHA TENTANDO RECUPERAR O FÔLEGO COM O CORPO MOLE E JÁ QUASE DORMINDO SENTIA VEZ OU OUTRA ALGO QUENTE ESCORRER DE MINHA BOCETA ME DANDO SENSAÇÕES MARAVILHOSAS ME DEIXANDO PLENA E REALIZADA, TANTO É QUE QUANDO PAROU DESPERTEI DESEJANDO MAIS E RELUTANTE DEPOIS DE UM VAI NÃO VAI, SAI DO QUARTO SÓ DE CALCINHA SENTINDO O CORPO FEVER DANDO UM MISTO DE VERGONHA, TESÃO E MEDO DE ALGUÉM ME VER ASSIM COM O DESEJO A FLOR DA PELE QUE FOSSE TITIO E QUE NÃO ME DEIXASSE FUGIR ME SATISFAZENDO COM SUA PICA QUE TITIA VIVE ELOGIANDO QUERENDO FAZER INVEJA PARA MINHA MÃE, ISSO PORQUE ELA AINDA NÃO VIU A DE PAPAI QUE ME DEIXA ALUCINADA NÃO

ACREDITANDO QUE ENTRA TODA EM MAMÃE ME DEIXANDO ALUCINADA DE PRAZER NAS VEZES QUE ESPIO ELES TRANSANDO.

DEPOIS DE UM COPÃO DE SUCO, TIREI A CALCINHA RODANDO A NO DEDO E VOLTANDO PARA MEU QUARTO PENSANDO NUMA MIJADA E DORMIR, MUDANDO DE IDEIA AO VER A LUZ DO QUARTO DE SÍLVIA QUE FICA NOS FUNDOS DO CORREDOR NO ANDAR DE BAIXO ACESSA E NA PONTA DOS PÉS, COM A CARA COLADA NA PORTA OUVIA SEUS GEMIDINHOS TÍMIDOS COM ELA BRIGANDO VEZ OU OUTRA FALANDO QUE ASSIM NÃO.

SABIA QUE DEVIA SAIR DALI, PORÉM A CURIOSIDADE FALOU MAIS ALTO ME ASSUSTANDO E ASSUSTANDO SILVIA QUANDO ABRIA A PORTA DERRUBANDO ALGO E SE ENROLANDO ÀS PRESSAS NO LENÇOL TIRANDO OS GATOS DE CIMA DELA, FUI ABORDADA POR TITIA QUE ME EMPURROU PARA DENTRO E FECHANDO A PORTA ATRÁS DE NÓS ME ENCAROU FALANDO QUE ERA SEGREDO NOSSO E TIRANDO A ROUPA SENTOU DE PERNAS ABERTAS ENFIANDO UMA SALSICHA NA BOCETA ROSADA DEIXANDO SÓ A PONTINHA DE FORA E ENQUANTO ME ENCORAJAVA A FICAR A VONTADE, SILVIA FALOU QUE FOSSE BEM VINDA PORQUE TINHA GATO PARA TODAS COM O QUE ESTAVA NO MEIO DE SUAS PERNAS VOLTOU A ‘JUDIAVA’ DELA QUE CHEGAVA A DAR GRITINHOS QUANDO ELE ARRANHAVA SUA BOCETA TENTANDO ABRIR PARA LAMBER RÁPIDO FAZENDO ELA CAIR NA CAMA PARANDO DE ME ENCARAR COM TIA ME DANDO BRONCA FALANDO QUE PARASSE DE OLHAR PORQUE ESTAVA DEIXANDO ELA ENCABULADA E ME ENTREGANDO UM SACHÊ MANDOU QUE FICASSE A VONTADE E APROVEITASSE LOGO ANTES QUE TITIO ACORDASSE.

NEM CONSEGUIA PENSAR DIREITO E COMO QUE NO AUTOMÁTICO TIREI A BLUSINHA E CALCINHA, COM TITIA PEDINDO A PARA MIM E AO PEGÁ-LA PUXOU ME PELA MÃO FAZENDO ME CAIR DEITADA AO SEU LADO E ME DANDO UM BEIJO QUE ME FEZ ESTREMECER ALISOU MINHA BOCETA PASSANDO UM GEL MOLHADO NELA, QUANDO TENTAVA ME APRUMAR PARA QUE TITIA ME BEIJASSE MAIS PORQUE FOI MARAVILHOSO, ELA CAIU ESTICANDO A CABEÇA PARA TRÁS GEMENDO MUITO ENQUANTO NÃO CONSEGUI SEGURAR UM GRITINHO QUANDO O GATO METEU A LÍNGUA EM MINHA BOCETA ME DEIXANDO DOIDA NUM MISTO DE QUERER PARAR PORQUE SUA LÍNGUA ÁSPERA ME DAVA UM FRISSON ME ARREPIANDO TODA FAZENDO A VONTADE DE QUERER MAIS AUMENTAR A CADA LAMBIDA ME FAZENDO ARREPIAR PORQUE LAMBIA MINHAS VIRILHAS O PERINEO E O CUZINHO, VEZ OU OUTRA ME FAZENDO ACREDITAR QUE ERA BEM MELHOR QUE UM PINTO MESMO NUNCA TER EXPERIMENTADO UM AINDA NA VIDA.

DELIRAVA TENDO QUE MORDER O LENÇOL PARA NÃO GRITAR ENQUANTO O GATO ‘JUDIAVA’ DE MIM NAS LÍNGUADAS, AUMENTANDO A VELOCIDADE QUANDO EU GOZAVA E FAZIA XIXI CHEGANDO A ESPIRRAR COM ELE PARECENDO QUERER ENTRAR EM MINHA BOCETA E DELIRANDO EM ORGASMOS INTERMINÁVEIS, ALISEI OS SEIOS SUJANDO ELES COM O CREME DO SACHÊ E MAIS QUE DEPRESSA O QUE ESPERAVA SUA VEZ, SUBIU EM CIMA DE MIM AUMENTANDO MEU PRAZER QUASE ME MATANDO QUANDO SUA LÍNGUA PASSOU EM MEU SEIO ME FAZENDO ESTREMECER JUNTO COM MEUS PAÍS AUMENTANDO MEUS GEMIDOS QUASE ME ENLOUQUECENDO QUANDO ARRANHAVA MEUS MAMILOS E LAMBIA MEUS SEIOS E O ENTORNO DELES.

QUANDO PERCEBI TITIA E SILVIA ME OLHANDO ADMIRANDO MEU SHOWZINHO, FECHEI OS OLHOS COM TITIA TOMANDO O SACHÊ DE MINHAS MÃOS DEIXANDO OS GATOS PERDEM O INTERESSE DE ME ’MATAR DE PRAZER’ ME AJUDANDO A LEVANTAR ME LEVANDO PARA O BANHEIRO ENQUANTO SILVIA DAVA UMA GERAL NO AMBIENTE. TOMÁVAMOS BANHO COM TITIA APROVEITANDO PARA ALISAR MEU CORPO ENQUANTO ME DAVA BANHO, QUANDO SILVIA SE JUNTOU A NÓS, AO ME VER OLHANDO ELAS SE BEIJAREM, TITIA MESMO ABRAÇADA A SILVIA SEGUROU MINHA CABEÇA E ME DEU UM BEIJO QUE ME DEIXOU APAIXONADA POR ELA, PENA TER ME MANDANDO EMBORA FALANDO QUE ELA E SILVIA PRECISAVA MUITO CONVERSAR.

Sentia o CORPO DOIDO PARECENDO QUE TINHA LEVADO UMA COÇA E ME VESTINDO FECHEI A PORTA E FUI DORMIR. DOS TRÊS DIAS QUE PASSEI POR LÁ FIQUEI QUASE O TEMPO TODO TRANCADA EM MEU QUARTO PORQUE UM TURBILHÃO DE PENSAMENTOS, MEDOS E SENTIMENTOS MISTURADOS ME DETONAVA ME FAZENDO CHORAR MUITO COM TIA ME DANDO TODO APOIO E ATENÇÃO FALANDO QUE ERA NATURAL AINDA MAIS PARA MIM QUE QUIS TUDO DE UMA SÓ VEZ E PENSANDO EM MEU NAMORADO FALANDO COM ELE QUASE O TEMPO TODO DEIXEI BEM CLARO MINHAS PRETENSÕES COM ELE MANDANDO QUE SE PREPARASSE PORQUE IA ACABAR COM ELE QUANDO NOS ENCONTRASSE, AINDA MAIS AGORA QUE ME SENTIA SEGURA COM AS ORIENTAÇÕES E DICAS DE MINHA TIA AVISANDO ELE QUE SE NÃO TOMASSE ATITUDE, COMERIA ELE NEM QUE FOSSE A FORÇA.

ESTAVA DESCONFIADA QUE GUSTAVO ESTAVA ME EVITANDO, QUANDO CHAMEI ELE NA CHINCHA ELE QUASE ME CONVENCEU A DEIXAR PARA DEPOIS QUE NOS CASASSE PORQUE ESSE É O SONHO DE SUA MÃE POR ISSO NÃO TIVE OUTRA OPÇÃO A NÃO SER COLOCAR O VIADINHO, NADA CONTRA TÁ, PARA CORRER E DESDE ENTÃO NÃO PERCO MAIS A OPORTUNIDADE DE PASSAR OS FINS DE SEMANA NA CASA DE TITIA QUE ME DEIXOU ASSUSTADA A PRINCÍPIO ME MANDANDO FICAR EM PAZ E QUE FICASSE A VONTADE PORQUE TITIOS SABE O QUE APRONTANDO COM OS GATOS E QUE ME PREPARASSE PORQUE ASSIM COMO ELA É SYLVIA EU TINHA QUE SER UMA NOITE DELE.

1249 views

Contos relacionados

Meu sodomizador canino

Nunca havia feito sexo com ninguém, embora fosse extremamente assanhada quando estava sozinha. Costumava me masturbar com freqüência e já sabia o que era gozar.Tinha um corpo muito esbelto e...

LER CONTO

Noiva realiza desejo de infância – sexo com cachorro Nestor – encontros zoo

Conto erótico  Noiva realiza desejo de infância - sexo com cachorro Nestor - encontros zoo,  em áudio. Bom dia, meu nome é Leo, quero relatar algo que aconteceu semana passada,...

LER CONTO

LUDOVICO

Escute esse conto erótico  em áudio LUDOVICOParte 2Parte 3Parte finalNUMA NOITE MARCELO FALTOU POUCO ME AGREDIAR PARANDO DE METER EM MIM DANDO UM FORTE TAPA EM MINHA BUNDA ME...

LER CONTO

O doguinho da minha sogra

O doguinho da minha sogra Tudo bem com voces? O que vou contar aqui aconteceu real. Vou me apresentar como Gabriel (nome ficticio, tenho 25 anos tenho 1,75 de altura e atualmente eu peso 111 kilos...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 3 + 4 = ?

Parceiros Do Site

© 2024 - Club dos contos eroticos