Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]

Nosso Padrinho 2

Publicado em 20/09/2023 por casalfunrs

O conto erótico  Nosso Padrinho 2 em audio.

O conto erótico  Nosso Padrinho 2

O conto erótico  Nosso Padrinho 2

Vou nos apresentar, meu nome é Marcos tenho 44 anos 1,80m e 100kg cabelos e olhos claros, ela Cristina 39anos 1,75m 70kg cabelos pretos olhos castanhos, 112cm de quadril 68cm de cintura coxas grossas e seios pequenos, um tesão de mulher que por onde passa chama a atenção. Estamos juntos a mais de 20 anos.
tudo começou logo que começamos a namorar, eu tinha um pequeno comercio, uma agropecuária na nossa cidade, onde vendia remédios rações e todo tipo de produtos para o produtor rural e animais domésticos. A Tina como os íntimos chamamos ela sempre após a aula ia para a agropecuária me ajudar pois na época ainda não tinha funcionário .Na época eu com pouco mais de 20 anos me virava como podia e a ajuda dela era muito bem vinda pois tinha que fazer entregas e ela tomava conta muito bem do comercio e era constantemente elogiada pelos clientes. Na época um dos meus maiores clientes era Seu Fernando, um senhor de 74anos mais de 1,90m e uns 110kg moreno do sol no trabalho no campo, um homem muito forte e que quem o via não acreditava que tinha sua idade. Ele era solteiro, nunca se casou e vivia em sua fazenda no interior de nossa cidade e tinha um apartamento no centro a menos de uma quadra de meu comercio.

Na manhã seguinte levei a Tina até a escola onde estudava e fui para loja. Por volta das 11:45h Tina chegou e como estava um dia quente estava toda suada me deu um beijo e foi tomar banho, eu fiquei na loja até a chegada do rapaz que trazia nossa comida, fechei a loja e fui para os fundos onde tinha uma mesa para almoçar. Tina estava saindo do banho apenas de toalha e ficou passando creme no corpo enquanto eu arrumava a mesa. Terminou de passar o creme colocou uma calcinha branca de renda minúscula que sua buceta mal cabia dentro e atrás só tinha uma tirinha e por cima colocou um shortinho de um tecido bem leve tipo malha bem folgado e curto que a cada movimento aparecia a metade de sua bunda e um top branco também. Almoçamos e logo em fui abrir a loja pois avia chego o caminhão d transportadora trazendo mercadorias. Ajudei eles a descarregar e Tina já foi abrindo os pacotes pra organizar nas prateleiras, ela foi carregando os pacotes para os fundos para organizar pois era uma encomenda de bombachas e ela começou a separar os tamanhos e modelos e eu fiquei no balcão atendendo até que seu Fernando chegou. Ele me se encostou no balcão e ficamos conversando até que a Tina gritou lá dos fundos.

Ela tio Fernando vêm aqui fiz um chimarrão novo.

Ele pediu licença e foi até os fundo e eu fiquei atendendo um cliente e depois de um tempo fui dar uma espiada para ver o que estava acontecendo. Ele estava sentado em uma cadeira e ela na sua frente separando as bombachas em uma mesa de costas para ele e quando se curvava para colocar a bombacha na mesa mostrava quase toda sua bunda para ele que estava vidrado olhando para sua bunda e o volume que sua buceta fazia no shortinho de tecido fino. Ela serviu um chimarrão e virou-se oferecendo para ele e foi até ele entregou o chimarrão e falando.

Ela estou cansada, da colinho?

Ele e se o Marcos vier aqui?

Ela eu digo que só estou descansando um pouco no colinho do titio, tem algum mal nisso?

Ele não, mas ele pode não gostar.

Ela não deu muito ouvido e abriu as pernas e sentou de costas para ele encaixando uma de suas pernas no meio das dela e ficava olhando em volta como se estivesse me procurando. Tive que voltar para o balcão pois tinha chegado cliente e fui atender. Voltei lá nos fundos uma meia hora depois. Quando cheguei lá eles não vi eles e notei que a porta do escritório estava encostada. Fui até a porta e espiei pela fresta. A visão que tive quase fez eu gozar pois ela estava sentada no colo dele e rebolava e ele segurava sua bunda quase toda de fora pois o shortinho estava todo dentro do seu rabo. E assim ficaram por um bom tempo, ela colocava as mãos para trás e abria a bunda como se tentasse colocar ele dentro da sua bunda e com o rosto transtornado de tesão notou  a minha presença atrás da porta ficou mais empolgada ainda e rebolava mais rápido e forte no colo dele até que com um gemido forte gozou. Eu voltei para o balcão e fiquei esperando até que ela pareceu depois de alguns minutos, estava vermelha de calor e suada, sentou em um bando ao meu lado com o chimarrão e seu corpo exalava um cheiro forte a sexo, ficamos conversando como se nada tivesse acontecido, pois eu sabia que ela ainda tinha vergonha de tocar no assunto. Alguns minutos depois seu Fernando aparece meio sem jeito e com um enorme volume nas calças, Tina olha e coloca a mão na boca como se levasse um susto. Ele trocou algumas palavra mas visivelmente constrangido foi embora. Como já estava na hora de fechar também fomos para casa, chegando ela estava com um tesão enorme e foi direto para o quarto tirando a roupa e ficou de quatro na beira da cama e com as mãos abriu o rabão e falou.

Ela vêm corno chupa meu rabo todo melado de tento esfregar no pauzão daquele velho tarado.

Eu enfiei a cara naquele rabão e me deliciei chupando e lambendo até ela pedir

Ela vai corno come meu cuzinho, arromba ele….

Eu só passei o pau na beira e enfiei todo no seu cuzinho que já era bem acostumado a ser fodido, e fiquei bombando até ela gozar e eu encher seu cuzinho de porra. Nos deitamos na cama para descansar pois estávamos exaustos.

Continua……

1102 views

Contos relacionados

Sem saber meu marido escutava eu sendo enrabada – 3

Meu marido Expedito foi incentivado a tomar umas aulas de mergulho no coral onde estava fundeado o iate de Joel. No deque mais elevado e com vista da praia ao longe e de límpidas águas...

LER CONTO

TAMIRES A MESTIÇA E SIMONE A ESPOSA RUIVA

Conto erotico TAMIRES A MESTIÇA E SIMONE A ESPOSA RUIVA em áudio Meu nome é Tamires, 42 anos, sou descendente de japoneses, mestiça como dizem, 1,75m, do meu pai que é alto puxei as pernas...

LER CONTO

30 chifres

Vou contar como minha mulher deu p 30 caras em 6 saídas q demos Apesar de eu ter experiências no mundo do swing antes desse meu casamento sempre fazia troca e ménage feminino mas nada superava...

LER CONTO

Esposa 171

Minha mulher faz um tempinho conseguiu me convencer a liberar ela pra fazer sexo com outros caras. No começo foi estranho mas hj em dia me acostumei. Uma certa noite ela trouxe o garoto que ela diz...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 3 + 1 = ?
© 2024 - Club dos contos eroticos