Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Club dos contos eroticos » Contos traição » EX SANTINHA, AGORA PUTA.

EX SANTINHA, AGORA PUTA.

Publicado em 15/01/2024 por mariana silva

QUANDO MEU MARIDO COMEÇOU A ME PRESENTEAR COM LINGERIE, UMA MENOR QUE A OUTRA DE CORES VARIADAS, CINTA LIGAS E ESPARTILHOS ME SENTI MAIS SEXY E ISSO DEU UM UP EM NOSSO RELACIONAMENTO PORQUE FIQUEI MAIS FOGOSA, MESMO ME SENTINDO UMA PUTA QUANDO ME VESTIA PARA ELE E EM POUCO TEMPO PERDI O NOJINHO QUE TINHA QUANDO ME DAVA A PICA MELADA PARA CHUPAR DEIXANDO A LIMPA E DURINHA NOVAMENTE COM ELE VOLTANDO A METER EM MIM, COM MAIS VIGOR E VONTADE, ME FAZENDO GOZAR EM BICAS COM ELE ME DEIXANDO APREENSIVA PROMETENDO QUE AINDA COMERIA MEU CU, NEM QUE FOSSE A FORÇA ME CHAMANDO DE BOBA PORQUE ALÉM DO MEDO, POR NUNCA TER FEITO ANAL, ME SENTIA SUJA, POR SORTE ELE DESISTIA DISSO AO VER MINHA EXPRESSÃO PAVOR QUANDO TENTAVA ENFIAR OS DEDOS EM MIM.

COM MUITO CUSTO FUI ACEITANDO OUTROS PRESENTINHOS, ENTRE ELES VIBRADORES, PLUG ANAL, CALCINHAS COMESTIVEIS E COM VIBRADORES COM ELE ME MANDANDO USAR OS VIBROS SOZINHA, ATÉ ME ACOSTUMAR E PODER USAR COM ELE QUANDO ESTIVESSE PRONTA E ESSO ME DEIXAVA LOUQUINHA, POREM AINDA TINHA MEDO DELE PENSAR MAL DE MIM E ANSIOSA NÃO VIA A HORA DELE COBRAR ISSO DE MIM PORQUE NESTA ÉPOCA PASSAVAMOS QUASE O TEMPO TODO NA CAMA PORQUE ESTAVAMOS TENTANDO ENGRAVIDAR E POR CONTA DISSO MINHA SOGRA PASSAVA QUASE O DIA TODO EM CASA COZINHANDO PARA NÓS, FALANDO QUE PRECISAVAMOS DE MUITA SUSTANCIA, CHEGANDO A DAR COMPLEXO VITAMINICO PARA SEU FILHO ALEGANDO QUE ELE ESTAVA ATÉ AMARELOS DE FRAQUEZA, RINDO AO COMENTAR QUE O BOM DISSO ERA O TREINO INTENSIVO.

NO DIA DO NIVER DE MEU MARIDO PREPARAMOS UMA FESTA SURPRESA NO SITIO DOS MEUS SOGROS, DEPOIS TERMINARIAMOS A NOITE NUM MOTEL ONDE EU SABIA QUE ‘SOFRERIA’ MUITO PORQUE ESTAVA DECIDIDA A DAR MEU CUZINHO PARA ELE DE PRESENTE E TINHA QUE SER NO MOTEL PORQUE PODIA GRITAR E GEMER A VONTADE NAQUELA PICONA QUE FORA FEITA PARA MIM.

ESTAVA USANDO UM VESTIDINHO BEM CURTO E SEXY, QUE ELE NÃO ME DEIXOU TROCAR ME DEIXANDO NUM MISTO DE ANSIEDADE, EUFORIA E TESÃO PORQUE MARCAVA A MINÚSCULA CALCINHAS QUE MAL ESCONDIA O PLUG ANAL QUE SERIA SURPRESA PARA ELE AUMENTANDO O MEDO DELE OU PIOR, ALGUÉM DESCOBRIR ESSA MINHA POUCA VERGONHA.

ESTAVAMOS PRONTOS PARA SAIR QUANDO MEU MARIDINHO ME ENTREGOU UM PACOTE PEQUENO ME MANDANDO USAR PARA ELE E QUE TIRASSE O SUTIÃO COM ELE ME OLHANDO SERIO QUANDO PENSEI NA POSSIBILIDADE DE NÃO FAZER ISSO POR ISSO RESOLVI OBEDECER, PARECENDO UMA CADELINHA NO CIO E MESMO SABENDO QUE NÃO ERA BOA COISA, CORRI PARA O QUARTO COM ELE AVIASANDO QUE NÃO DEMORASSE E QUE ME ESPERARIA NO CARRO.

QUANDO ELE BUZINOU PELA TERCEIRA VEZ, FUI PARA ELE SEM GRAÇA FICANDO SEM AÇÃO, COM ELE NÃO ACEITANDO MEUS NÃOS APELANDO QUE ERA SEU NIVER E QUE A VERGONHA QUE ESTAVA ESTAMPANDA EM MINHA CARA SERIA DELE, ALÉM DO MAIS NINGUÉM TINHA NADA A VER COM NOSSA VIDA, ISSO PORQUE MEU SEIOS ESTAVAM PRATICAMENTE DE FORA COM OS MAMILOS DENUNCIANDO MINHA EXCITAÇÃO ALÉM DE PARECER QUE FURARIMA O FINO TECIDO E NÃO TENDO COMO RECUSAR, ENTREI NO CARRO TRAVANDO A PORTA PARA ELE NÃO ENTRAR E AFASTADO A CALCINHA DE LADO, METI AQUELE VIBRADOR POUCO MAIOR QUE UM OVO QUE ENTROU FACIL EM MINHA BOCETA MELADA O QUE ME DEU UM LEVE ORGASMO QUE SE INTENSIFICOU QUANDO AQUILO COMEÇOU A VIBRAR DENTRO DE MIM PARECENDO TER VIDA PROPRIA O QUE ME FEZ PEGAR FOGO PORQUE O PLUG ANAL PARECIA

QUE PEGARIA FOGO PARECENDO CRESCER MAIS DENTRO DELE MIM, DANDO PARA SENTIR ELE MELADO, AUMENTANDO MINHA EXCITAÇÃO E PREOCUPAÇÃO PENSANDO SER DE FEZES, O QUE NÃO ERA PARA ALIVIO MEU E ME ASSUATANDO COM MEU MARIDO ME CHAMANDO QUERENDO SABER O QUE ESTAVA ACONTECENDO ME APLUMEI AS PRESSAS ME ARRUMANDO COMO DEU E ASSIM QUE ENTROU ME JOGUEI EM CIMA DELE INTERCALANDO OS BEIJOS COM PEDIDO QUE EM COMEÇE PORQUE ESTAVA LOUQUINHA PRECISANDO MUITO DISSO COM ELE TENDO TRABALHO PARA ME MANDAR ESPERAR QUE O MEU ESTAVA GUARDADO.

QUANDO ELE PAROU PARA ABASTECER OLHEI FEIO PARA ELE QUE CUMPRIMENTOU O AMIGO QUE VEIO FALAR COM ELE DO MEU LADO E ENQUANTO CONVERSAVAM, O FILHO DA PUTA DEITOU MEU BANCO DE UMA SÓ VEZ, TENDO QUE SEGURAR MINHA MÃO NÃO DEIXANDO QUE ABAIXASSE A BARRA DO VESTIDO QUE FOI PARAR NA CINTURA E ENQUANTO FALAVA COM O RAPAZ, NEM ME ATREVIA OLHAR PARA ELE PORQUE ENCARAVA MEU MARIDO NÃO DANDO PARA SABER SE O QUE SENTIA ERA RAIVA, VERGONHA OU MEDO PORQUE OS LIQUIDOS QUENTES QUE ESORRIAM DE MINHA XOXOTA ME PREPARA PARA UM ORGASMO QUE SABIA NÃO CONSEGUI EVITAR, POR ISSO QUANDO FECHEI OS OLHOS E MORDI OS LÁBIOS, MEU HOMEM SAIU DALI E ENQUANTO DIRIGIA ME CHAMAVA DE PUTA SAFADA, VADIA E OUTROS NOMES MAIS E SEM NENHUM PUDOR, INTENSIFIQUEI MEU ORGASMO APERTANDO AS PERNAS GEMENDO GOSTOSO ENQUANTO ELE ME XINGAVA.

AINDA GOZAVA QUANDO ELE ME MANDOU RELAXAR E COMO QUE ACORDANDO DO TRANSE, MAL PAROU O CARRO ME CHAMANDO DE LOUCA QUANDO PULEI E PASSANDO POR TODOS ME ESFORÇANDO DEMAIS PARA SEGURAR OS GEMIDOS, PORQUE AQUELE TROÇO PARECIA UM LIQUIDIFICADOR DENTRO DE MINHA BOCETA, MINUTOS DEPOIS MINHA MÃE QUASE ME FLAGRANDO TIRANDO O VIBRADOR DA XOXOTA SENTANDO AS PRESSAS NO VASO SEM CONSEGUI ENCARAR MAMÃE QUE PARECIA DESCONFIAR O QUE ESTAVA ACONTECENDO NÃO ME DANDO CHANCE DE TIRAR TAMBÉM O PLUG, QUANDO ELA FOI RETOCAR A MAQUIAGEM, SEQUEI O QUE DEU EM MINHA PERNAS E XOXOTA ESCONDENDO O VIBRADOR NO CESTO DE ROUPA, QUE ESQUECI DE PEGAR DEPOIS.

ME SENTIA INCOMODADA PORQUE PARECIAM QUE TODOS SABIAM QUE ESTAVA COM O CU OCUPADO O QUE ME DAVA UM FRISSON SENDO MINHA MAIOR PREOCUPAÇÃO EVITAR QUE MEU PAI ME ABRAÇASSE PORQUE AO FAZER ISSO NA TERCEIRA VEZ, COM CERTEZA SENTIU MEU CORPO TREMULO E NÃO TIRANDO OS OLHOS DE MEUS SEIOS, FALOU NA CARA DURA QUE EU ESTAVA UMA DELICIA E QUE SE SEU GENRO, QUE ERA UM CARA DE MUITA SORTE, PRECISASSE DE AJUDA, PODIA CONTAR COM ELE.

ESTAVA TÃO FORA DE MIM QUE MAL CONSEGUIA ASSIMILAR O QUE MEU PAI ME FALOU, QUANDO SAI DELE, NÃO ACREDITEI QUANDO PASSOU A MÃO EM MINHA BUNDA E SEM ACREDITAR NISSO ENCAREI ELE QUE ME ENCAROU PARECENDO QUERER SABER O QUE TINHA NO CUZINHO, POR SORTE MINHA MÃE CHEGOU ME LAVANDO DALI DEPOIS DE NOS DAR BRONCA FALANDO QUE ERA NOITE DE FESTA E QUE JÁ ESTAVA NA HORA DE NOS PARAR DE BRIGAR UM COM O OUTRO.

INSISTIA PARA MEU HOMEM ME LEVAR EMBORA PORQUE, ALÉM DE PRECISAR MUITO DELE ME SENTIA MAL COM OS HOMENS ME COMENDO COM OS OLHOS, PRINCIPALMENTE MEU PAI, SOGRO, TIOS E PRIMOS, O QUE ME DEIXAVA MORTA DE VERGONHA POR ACHAR QUE MEU PAI HAVIA COMENTANDO ALGO COM ELES.

QUERIA MATAR MEU MARIDO QUE ME DEIXAVA SOZINHA DANDO TOTAL ATENÇÃO PARA SUA MÃE ENQUANTO MEU PAI NÃO PERDIA OPORTUNIDADE DE ME ENCARAR MALIOSAMENTE NÃO PERDENDO TEMPO DE ALISAR MEU CORPO, CHEGANDO A ME ENCOXAR DISPLICENTEMENTE AO ME ABRAÇAR POR TRÁS E ENQUANTO TODOS PENSAVAM QUE ELE ESTAVA SENDO GENTIL COMIGO, O FILHO DA PUTA, ALÉM DE ME CHAMAR DE GOSTOSA ME FAZIA TREMER DE EXCITAÇÃO, VERGONHA E MEDO PORQUE SUSSURRAVA EM MEU OUVIDO QUE NÃO ESCAPARIA DELE, MESMO PORQUE MOSTRAVA MEU HOMEM BEBENDO MAIS QUE O HABITUAL, NÃO DEIXANDO O COPO DELE VAZIO NÃO PERDENDO OPORTUNIDADE DE BRINDAR COM O TROUXA QUE VIRAVA UMA ATRÁS DA OUTRA E ISSO ME DEIXAVA FRUSTRADA PORQUE QUANDO BEBE NÃO CONSEGUE LEVANTAR SEU BRINQUEDO, E PUTA DA VIDA, SEGURAVA A VONTADE DE CHORAR DE RAIVA E DECEPÇÃO POR SABER QUE O CORNINHO IA ME DEIXAR NA MÃO E PELO QUE VIA, SERIA PRESA FACIL PARA O TARADO DE MEU PAPAI.

QUANDO MINHA MÃE SUMIU COM MEU PAI DALI DANDO PARA VER QUE BRIGAVA COM ELE, RESOLVI IR TROCAR DE ROUPA E TIRAR AQUELE PLUG QUE ESTVA ME MATANDO, CHEGANDO A ARDER EM ALGUNS MOMENTOS, TENDO QUE ME ESCONDER NO CORREDOR PORQUE MEUS PAIS DISCUTIAM COM MINHA MÃO TENDO TRABALHO PARA SEGURAR AS MÃOS DE MEU PAI QUE QUERIA A TODO CUSTO LEVANTAR SEU VESTIDO ENQUANTO BEIJAVA ELA ME DEIXANDO OURIÇADA AO VER AQUELA PICA GRANDE GROSSA E DURA CUTUCANDO A BOCETA DE MINHA MÃE QUE QUASE CEDIA QUANDO PAPAI CONSEGUIA ENFIAR ELA NO MEIO DAS PERNAS DE MAMÃE, POR BAIXO DO VESTIDO, POREM QUANDO MAMÃE VIU QUE PAPAI IA ACABAR COMENDO ELA, GRITOU COM ELE MANDANDO O PARAR ME DEIXANDO ESTARRECIDA QUANDO FALOU QUE DEIXASSE ELA EM PAZ E QUE FOSSE ATRÁS DA PUTINHA DE SUA FILHA PORQUE ELE ESTAVA ASSIM POR ELA E SE IMPONDO DEIXOU PAPAI NA MÃO DEIXANDO ELE SOZINHO ALI.

PAPAI DEMORAVA GUARDAR AQUELE CACETE LINDO E PERFEITO E PELO JEITO GOSTOSO PORQUE SENTIA A BOCETA FORMIGAR E ABOCA ENCHER DE AGUA, MESMO SABNDO QUE NÃO DEVIA FICANDO SEM AÇÃO QUASE MIJANDO NA CALCINHA AO VER ELE ME ENCARNDO ENQUANTO BALANÇAVA AQUELE PENIS QUE DAVA CABEÇADA NO AR, FICANDO SEM ENTENDER NADA QUANDO COMEÇEI CHORAR SAINDO AS PRESSAS DALI, POR SORTE ELE NÃO CONSEGUIU ME ALCANÇAR.

DEPOIS DE CAMINHAR PELO BOSQUE CONTEMPLANDO A NOITE LINDA E CLARA COM O LUAR, VOLTEI PARA MEU QUARTO ENTRANDO ESCONDIDA E SEM DAR ATENÇÃO PARA UMA PRIMA, LAVEI O ROSTO, FIZ UM BELO XIXI JOGANDO O PLUG ANAL QUE JÁ HAVIA TIRADO DO CUZINHO, POREM ASSIM QUE MANOBRAVA O CARRO PARA IR EMBORA, PAPAI ENTROU AS PRESSAS COM MAMÃE PARADA NO PORTÃO NOS OLHANDO E FAZENDO SINAL PARA ELA ESPERAR, ASSIM QUE ENTROU ELE ME MANDOU ACELERAR ME LEVANDO PARA A CACHOEIRA, QUANDO ME DEI CONTA CONEVSAVAMOS COMO NUNCA ANTES COM ELE FAZENDO CAFUNÉ EM MINHA NUCA COM SEUS DEDOS ESCORRENDO ENTRE MEUS CABELOS ME FAZENDO SENTIR TÃO BEM E SEGURA QUE NEM LIGAVA QUANDO ELE OLHAVA PARA O MEIO DE MINHAS PERNAS DEIXANDO QUE VISSE MINHA CALCINHA POR ESTAR COM UMA DAS PERNAS CRUZADAS FICANDO TOTALMENTE EXPOSTA.

MESMO SABENDO QUE ERA PECADO, QUE PODERIA IR PARA O INFERNO POR CONTA DISSO, NADA FIZ QUANDO PAPAI SEGUROU FIRME EM MEUS CABELOS E PUXOU MINHA CABEÇA FAZENDO MINHA BOCA IR DE ENCONTRA A DELE PARA UM BEIJO RÁPIDO E AO VER QUE ESTAVA INERTE DE OLHOS FECHADOS, VOLTOU A ME BEIJAR CADA VEZ COM MAIS VONTADE ME FAZENDO ESTREMECER QUANDO SUAS MÃOS GRANDES E HABÉIS ALISARAM MEUS SEIOS SENDO FACIL TIRAR ELES PARA FORA DO VESTIDO E ME INCLINANDO JUNTO COM O BANCO, PAPAI ME FAZIA DELIRAR DE PRAZER BEIJANDO LOUCAMENTE MINHA BOCA ENQUANTO APERTAVA SUAVEMENTE MEUS SEIOS, ALTERNANDO OS BEIJOS COM CHUPÕES E SUGADAS NELE, RINDO QUANDO FALEI PARA NÃO DEIXAR MARCAS.

QUANDO PAPAI ALISOU MINHA XOXOTA POR CIMA DA CALCINHA, COMENTANDO ALGO POR ESTAR MELADA, ESTREMECI NUM ORGASMO QUE PARECIA NÃO TER FIM QUANDO ABAFOU MEUS GEMIDOS COM BEIJOS ARDENTES ENQUANTO ENFIAVA O DEDO MÉDIO EM MINHA BOCETA, PRENDENDO MEU GRELO ENTRE O MÉDIO E INDICADOR ME FAZENDO URRAR DE PRAZER EM ORGASMOS INTERMINÁVEIS E JÁ TODA MOLINHA, SEGUREI SUA MÃO PARA LAMBER SEUS DEDOS QUANDO PASSOU ENTRE NOSSAS BOCAS, DANDO PENA AO OLHAR EM SEUS OLHOS AO NÃO DEIXAR SUBIR EM CIMA DE MIM OM SUA PICA MELANDO MINHAS COXAS COM SUA BABINHA E EMPURRANDO ELE QUE VOLTOU A DEITAR EM SEU BANCO, VI SEUS OLHOS BRILHAREM NUM SORRISO ENCANTADOR QUANDO AJOELHEI AS PRESSAS NO BANCO E SEGUREI SUA PICA QUE MAL CABIA EM MINHAS MÃOZINHAS PARA DAR BEIJINHOS E SUGADAS NA CABEÇA QUE MELAVA MEUS LÁBIOS, QUANDO ELE ENFIOU O DEDO EM MEU CU, ABAFEI O GRITINHO QUE NEM EU MESMA SABIA SE ERA DE DOR OU PRAZER, FAZENDO SUA GLANDE CUTUCAR MINHA GARGANTA E COM AJUDA DE SUA MÃO SEGURANDO FIRME MEUS CABELOS, O QUE ME FAZIA PEGAR FOGO, ELE CONTROLAVA O SOBE E DESÇE ME PEDINDO CALMA ENQUANTO ME DAVA DICAS DE COMO MAMAR UM CACETE.

DELIRAVA INDO AO CÉU E VOLTANDO ENQUANTO SEU DEDO IA CADA VEZ MAIS FUNDO EM MEU CUZINHO, POREM NÃO CONSEGUIA SABER SE O PRAZER QUE INUNDAVA MINHA ALMA SENDO BEM MAIOR QUE TODOS OS PRAZERES QUE JÁ TIVE NA VIDA, ERA POR MAMAR SEU CACETE OU SEUS DEDOS CIRCULANDO EM MEU CUZINHO QUE DEIXOU O CABAÇO NELES.

MAMAVA COMO DOIDA COM O PRAZER A MIL FAZENDO MINHA XOXOTA DERRETER EM ORGASMOS AVASSALADORES QUE ME IMPUS NÃO DEIXANDO QUE TIRASSE O CACETE DE MINHA BOCA, CHEGANDO A ME ENGASGAR TOSSINDO MUITO SOLTANDO PORRA ATÉ PELO NARIZ, QUANDO ELE ESPORROU EM MINHA GARGANTA TENDO QUE EM SEGURAR FIRME ME PEDINDO CALMA E ME ACALMANDO VOLTOU A ME BEIJAR, POREM AGORA DE FORMA CALMA E APAIXONANTE ME PROVOCANDO AO ESFREGAR SEU CACETE EM MINHAS PERNAS, ME DEIXANDO SURPRESA PORQUE AO CONTRARIO DO MEU HOMEM, ESTAVA MAIS DURO QUE ANTES, PARECENDO MAIOR, TANTO É QUE QUANDO LARGOU NOSSAS BOCAS E PEDIU PARA COLOCAR EM MEU CUZINHO, SORRI PARA ELE QUE ANSIOSO ME AJUDOU A SENTAR EM SEU CACETE E SUBINDO E DESCENDO DEVAGARINHO, ENLOUQUECI QUANDO ATAOCHOU ATÉ O TALO EM MINHA BOCETA COM ELE TENDO QUE ME SEGURAR PARA QUICAR DEVAGAR NAQUELA TORA PARA NÃO ME MACHUCAR.

ESTAVA ENTREGUE AO PRAZER E MESMO MOLINHA, COM O CORPO DOENDO E XOXOTA ARDIDA DE TANTO LEVAR CACETE, QUANTO MAIS EU GOZAVA, MAIS QUERIA GOZAR E ME DANDO CONTA QUE ESTAVA DE QUATRO NO BANCO COM A BRISA FRIA ACARICIANDO MEU CORPO ENQUANTO PAPAI DE PÉ FORA DO CARRO, PARECIA QUERER ME VARAR COM SUA ESTOCADAS FIRMES E VIGOROSAS TANTO É QUE QUANDO GOZOU NOVAMENTE EM MINHA BOCETA, ME SEGUROU NO AR COM FACILIDADE E SENTANDO COMIGO COLADA NELE DANDO PARA SENTIR O PULSAR DE SUA PICA QUE MURCHAVA AOS POUCOS DENTRO DE MIM ENQUANTO NOSSO PRAZER ESCORRIA DE MINHA XOXOTA MELANDO NOSSAS PERNAS.

LEMBRO DE ESTAR COM A CABEÇA VIRADA PARA TRÁS BEIJANDO APAIXONADAMENTE MEU PAI QUE TENTAVA ME CONVENCER EM DAR PARA ELE MAIS VEZES ENQUANTO SUAS MÃOS NÃO PARAVA DE ALISAR MEUS CORPO COM ELE ELOGIANDO MEUS SEIOS FALANDO QUE SÃO BICUDINHOS IGUAIS AOS DE MINHA MÃE, CONFESSANDO QUE SEMPRE SONHOU COM ISSO ME DEIXANDO ABISMADA AO CONFESSAR QUE, POUCAS NÃO FORAM AS VEZES QUE ENTRO EM MEU QUARTO DE MADRUGADA PARA BATER PUNEHTA ENQUANTO ADMIRAVA MEU CORPO, O QUE ME FEZ ESTREMECER NUM MISTO DE SURPRESA E TESÃO, POREM QUANDO INTENSIFIQUEI A VOLUPIA DO BEIJO ENQUANTO EM AJEITAVA EM CIMA DELE, QUANDO IA PEDIR PARA COMER MEU CUZINHO, ELE LEVANTOU ME JOGANDO NA AGUA AO VER O FAROL DO CARRO, MINUTOS DEPOIS MAMÃE NOS ENCONTROU EU NADANDO NUA E PAPAI DE BERMUDA ENCOSTADO NO CARRO ME ESPERANDO.

DEPOIS DISSO, VIREI A PUTINHA QUE MEU HOMEM QUERIA QUE EU FOSSE PORQUE ADORO ME MOSTRAR PARA OUTROS, PRINCIPALMENTE QUANDO ESTOU COM ELE QUE NEM SONHA QUE A RAZÃO DE NÃO DEIXAR COMER MEU CUZINHO É QUE PROMETI SER SÓ DE MEU PAI QUE NÃO PERDE OPORTUNIDADE DE ME PEGAR, EM ALGUMAS VEZES COM MAMÃE EM CASA E SÓ PARA ELE CONTO MINHAS AVENTURAS COM MEUS HOMENS, COM ALGUNS ME PAGANDO QUANDO FICO COM ELE ENQUANTO MEU HOMEM PENSA QUE ESTOU TRABALHANDO.

CONFESSO QUE PENSO EM ME TORNAR PROFISSIONAL PORQUE GANHO MAIS DINHEIRO DANDO DO QUE TRABALHANDO. ESPERO DICAS DE COMO POSSO ME INICIAR NISSO.

BEIJOS, MARI

266 views

Contos relacionados

DOCE VINGANÇA.

QUANDO ME DEI CONTA JÁ IA TRÊS ANOS DE RELACIONAMENTO MESMO NÃO CONSEGUINDO FECHAR CEM POR CENTO COM CLAUDIA POR CONTA DE SUA PROFISSÃO. ACREDITO QUE O QUE NOS UNIA ERA O SEXO QUE ERA MUITO BOM,...

LER CONTO

A traição

Uma Transa ao Luar ****** https://missaoamerica.com.br/terapia-no-amor.html Meu nome é Nelson, e vou compartilhar uma decisão errada que tomei. Fui convidado com a minha esposa, para o...

LER CONTO

A Patrona dos Cornos

Sem falar de meus olhos esverdeados, chamo atenção de muitos homens, e modéstia parte sou do tipo MMG (mulher madura gostosona) pois de uma coisa nunca desleixei, meu corpo. Afinal de contas não...

LER CONTO

MEG, MINHA VADIA PREFERIDA.

CANSADO DA CHUPADINHAS RÁPIDAS QUE DAVA NOS SEIOS DE MEG E TER QUE CONVENCER ELA PARA DEIXAR VEZ OU OUTRA ALISAR SUA BOCETINHA POR CIMA DA ROUPA, COM ELA AFIRMANDO QUE SEXO SÓ DEPOIS DO CASAMENTO,...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 4 + 4 = ?
© 2024 - Club dos contos eroticos