Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Club dos contos eroticos » Contos lésbicas » Domesticando melina, a ex Domme que virou minha cadela de estimação

Domesticando melina, a ex Domme que virou minha cadela de estimação

Publicado em 11/09/2023 por Roberta

Escute em áudio o conto  erótico, ” Domesticando melina, a ex Domme que virou minha cadela de estimação”.

Escute em áudio o conto  erótico, " Domesticando melina, a ex Domme que virou minha cadela de estimação".

Escute em áudio o conto  erótico, ” Domesticando melina, a ex Domme que virou minha cadela de estimação”.

Meu nome é Roberta, sou lésbica dominante, tenho 28 anos, 1,75 altura, cabelos pretos cumpridos, corpo atlético e forte, gosto de malhar, mas não perco meu lado feminino, moro na região sul de São Paulo, frequento com minhas amigas barzinhos e baladas da região, foi em uma dessas baladas que tudo aconteceu.
Estava com minhas amigas conversando até que surgiu a Melina, uma dominante que conhecia somente por vista e alguns comentários sobre ela que surgiam aleatoriamente, uma pessoa soberba e arrogante, ela tinha algumas submissas em sites eróticos e na vida real, ela é loira, coxas grossas, bunda empinada e redondinha, peitos grandes e no máximo com seus 1,55 de altura, não tinha postura de dominante, mais parecia uma submissa, usava um vestido curto e um decote bem grande que seus peitos quase pulavam para fora.
Não demorou e ela veio onde estávamos, sem saber que eu era uma dominante tentou me seduzir, minhas amigas com um sorriso no rosto só observavam, entrei no jogo e deixei ela confiante que estava conseguindo, até que ela sugeriu irmos para um motel da região, eu concordei e para mim seria a hora que eu estava esperando para mostrar o lugar dela, saímos e fomos para o motel, assim que chegamos Melina se despiu, uma linda e bela mulher com um corpo escultural, tirei minha roupa e ficamos totalmente nua, ela veio para cima de mim com ordens e sem esperar a joguei na cama para assumir o controle, Melina tentou se levantar e novamente a joguei na cama mostrando minha força e falando com tom firme
– ¨Olha aqui Melina, hoje você vai aprender seu devido lugar, vai ser minha submissa, vai virar minha cadelinha de estimação¨
Melina com cara de assustada e seus olhos arregalados respondeu
– ¨Calma Roberta, vamos conversar¨
Peguei minha bolsa e tirei minha cinta peniana de 21 cm, coloquei e fui para cima dela, Melina ainda tentou escapar, mas mostrei minha força superior a dela, abri suas pernas e enfiei meus dedos passando em seu clitóris, logo estava toda molhada mostrando sua excitação no momento
Coloquei meu consolo na sua boceta, era apertadinha, seus pelinhos brilhavam porque estava toda molhada, comecei a foder a Melina, estava domesticando e a fazendo da minha mais nova submissa, aquela dominante arrogante estava sendo adestrada e domesticada, seus peitos enormes pulavam em cada socada do meu consolo, enquanto socava forte comecei a chupar seus peitos e sugar seus bicos, Melina gozou duas vezes com fortes gemidos.
Mas ainda não estava totalmente domesticada, tinha que finalizar para te-la em definitivo, tirei meu consolo da sua boceta, virei ela de bruços e vi aquela bunda redonda e gostosa, sem deixar ela pensar, posicionei na entrada do seu cuzinho e empurrei bem forte, Melina se batia e esperneava para escapar, mas quanto mais ela se batia mais fácil entrava o consolo, seu cuzinho estava engolindo o consolo que ia sumindo dentro dela, foi entrando cm por cm até que os 21 cm estavam todo dentro dela, Melina sabia que não tinha mais saída, sabia que a

gora seria minha submissa, minha mais nova cadelinha de estimação.
Segurei firme seus cabelos, puxei para traz e forcei ate o ultimo do consolo em seu rabo, Melina gemia alto, com voz firme de comando mandei ela repetir várias vezes
– ¨Você é uma cadelinha, entendeu, agora você é a cadelinha Melina, repete cadela
Melina repetia varias vezes
– ¨Eu sou uma cadela, eu sou a sua cadelinha
Depois de horas fodendo forte seu rabo, Melina já não esboçava reação, estava entregue e seus gemidos baixos mostravam que estava sem forças e totalmente domesticada, era o fim dela como dominante, se tornara a mais nova cadelinha, uma submissa que assumiu seu lugar.
Tirei o consolo do seu rabo e fui para o banheiro, quando sai, vi minha cadelinha Melina na mesma posição, toda mole e acabada, de bruços com sua linda e gostosa bunda para cima, então virei ela, peguei minha necessaire e tirei alguns acessórios, fui ate a sua bocetinha e raspei seus pelinhos deixando Melina lisinha, sem nenhum pelo como uma cadelinha deve ser, peguei seus pelinhos e coloquei em um pequeno frasco de vidro onde depois mostrei para todas as minhas amigas os pelinhos da minha cadelinha Melina
Ela se levantou toda acabada, segurando nas paredes foi para o banheiro, nos trocamos e depois fomos embora, aquela mulher arrogante e prepotente não existia mais, estava domesticada, logo a noticia se espalhou e suas submissas já não a via mais como dominante, algumas delas fizeram Melina de submissa e cadelinha, nos sites e na vida real Melina era uma cadelinha assumida, totalmente domesticada.

95 views

Contos relacionados

Cadela melina, arrombada pela Domme Malu e sua cadela soninha

Conto erótico,  Cadela melina, arrombada pela Domme Malu e sua cadela soninha em áudio.Estava na sala de estar com minha cadela melina quando recebo um email e visualizo no meu celular, era...

LER CONTO

Esposa Bissexual pega no flagra

Esposa Bissexual pega no flagraSou Gildete casa e com excelente relacionamento com Nivaldo meu esposo; com a vida sexual totalmente ativa ao longo dos 17 anos de casamento.O Nivaldo (esposo)...

LER CONTO

Cunhadinha e sua amiga

A minha sogra se divorciou do meu sogro tem um tempo mas eles continuavam morando juntos.So que essa de separar e continuar morando juntos nao dura muito e como eles estavam se desentendendo...

LER CONTO

Minha esposa bissexual com prima

Minha esposa bissexual com primaMeu casamento com a Pâmela sempre foi regado com uma vida sexual intensa, nunca tivemos problema com infidelidade; até que um dia a minha prima Laís, a mesma...

LER CONTO

1 - Comentário(s)

  • Joyce 27/09/2023 17:01

    Que bela lição vc deu nessa melina, acabou com ela como dominante e ainda tirou todos os pelinhos da bocetinha dela, virou seu troféus junto a suas amigas, adorei.

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 3 + 5 = ?

Bem-vindo ao Clube dos Contos Eróticos!

O Clube dos Contos Eróticos é o lugar perfeito para os amantes da leitura se aventurarem em narrativas sensuais e histórias picantes. Como um espaço dedicado à imaginação adulta, estamos aqui para fornecer um refúgio onde você pode mergulhar em contos e relatos sexuais amadores, todos compartilhados com paixão e autenticidade.

Em nossa página inicial, você encontrará uma coleção variada de contos e relatos eróticos, cada um oferecendo uma visão única da intimidade e do desejo humano. Nossos contos são escritos por autores amadores apaixonados, que compartilham suas experiências e fantasias em narrativas que capturam a imaginação.

Aqui, celebramos a expressão livre e a criatividade individual. Encorajamos os entusiastas de escrever a compartilharem suas próprias histórias sensuais e relatos íntimos. Seja você um autor experiente ou alguém que está explorando suas habilidades de escrita, o Clube dos Contos Eróticos é um lugar onde sua voz e visão podem brilhar.

Valorizamos a diversidade e o respeito. Criamos um ambiente onde todos são bem-vindos para explorar, expressar-se e se conectar por meio de palavras. Acreditamos no empoderamento pessoal por meio da escrita e da leitura, celebrando a sexualidade adulta com responsabilidade e consentimento.

Se você deseja se inspirar, se conectar com autores amadores apaixonados ou simplesmente mergulhar em histórias envolventes, o Clube dos Contos Eróticos é o lugar para você. Deixe sua imaginação fluir, explore suas fantasias e compartilhe suas reações em uma comunidade que valoriza a criatividade e a expressão.

Respeitamos as diretrizes e os princípios de conteúdo adulto responsável. Todos os contos e relatos compartilhados são destinados a um público maduro. Aprecie a leitura com respeito e mantenha uma abordagem consciente e consensual em todas as interações.

© 2023 - Club dos contos eroticos
Club dos contos eroticos