Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]

DANDO O TROCO!

Publicado em 29/11/2022 por charlinhos

QUANDO MIA COMEÇOU A EVITAR FAZER SEXO COMIGO FICANDO DIAS SEM ISSO, NÃO ME IMPORTEI MUITO A PRINCIPIO PORQUE SEMPRE FOI MUITO FRESCA NA CAMA, TANTO É QUE QUANDO QUERO QUE ME CHUPE OU CHUPAR SUA BOCETA TENHO QUE ME IMPOR CHEGANDO A SER RUDE COM ELA QUE ALEGA TER NOJO DISSO; ANAL NEM EM SONHO POR ALEGAR SER PECADO ALÉM DE RECLAMAR DO TAMANHO DO MEU CACETE, POR ISSO PENSAVA EM SAIR NAQUELA TARDE DEPOIS DE NÃO CONSEGUI FALAR COM ELA, QUANDO MINHA MÃE ENTROU EM CASA CHORANDO MUITO ME DEIXANDO PREOCUPADO NÃO CONSEGUINDO FALAR O QUE ACONTECEU O QUE ME DEIXOU PREOCUPADO PENSANDO QUE HAVIA BRIGADO COM MEU PAI, COISA COMUM NESSES ULTIMOS MESES. ESTAVA FICANDO IMPACIENTE PORQUE ELA NÃO CONSEGUIA ME CONTAR O QUE HAVIA ACONTECIDO E DE TANTO ISNSITIR ME MANDOU SENTAR AO SEU LADO SEM CONSEGUI OUVI SEQUER O QUE FALAVA PORQUE POR ESTAR A DIAS SEM SEXO E SEU PERFUME ME INEBRIANDO, COMEÇEU A OLHAR PARA SEU DECOTE E PERNAS LINDAS E PERFEITAS COM AS COXAS A MOSTRA COM O VESTIDINHO COBRINDO COM DIFICULDADE O MEIO DE SUAS PERNAS, COM ELA ME DANDO UM TAPA NA CABEÇA ME MANDANDO TOMAR VERGONHA NA CARA FALANDO QUE ERA MUITO SERIO O QUE TINHA PARA ME CONTAR, AO VER ME COBRINDO O COLO COM ALMOFADA E INCREDULO ASSISTI EM SEU CELULAR ENQUANTO ELA ME CONTAVA DETALHES DE COMO GRAVOU, ME DEIXANDO VER MEU PAI DEITADO ENTRE AS PERNAS DE MIA QUE SEGURAVA A SAINHA LEVANTADA COM OS SEIOS A MOSTRA PORQUE O SUTIÃ E BLUSINHA ESTAVA QUASE EM SEU PESCOÇO, ENQUANTO MEU PAI SEGURAVA SUA CALCINHA DE LADO E CHUPAVA COMO DOIDO SUA BOCETA DANDO MEDO O ESCANDALO QUE FAZIA ENQUANTO FALAVA COISAS SEM NEXO, POREM QUANDO MEU PAI SUBIU PARA CIMA DELALARGANDO A BOCA DE SUA BOCETA MELADA ENQUANTO TIRAVA A CALÇA, ELA ATÉ TENTOU ESCAPAR DELE O QUE ME DEU UM CERTO ALIVIO INSTANTANTEO PORQUE A PREOCUPAÇÃO DE MIA ERA ELE METER SEM PRESERVATIVO E INDO PARA CIMA DELA NÃO DEIXANDO A ESCAPAR SEGUROU FIRME EM SUA CINTURA FAZENDO ELA IR SE RENDENDO ENQUANTO SUA PICA ENTRAVA COM FACILIDADE EM SUA BOCETA MELADA E COM A CARA E SEIOS APOIADOS NA CAMA, GEMIA ESCANDALOSAMENTE ENQUANTO MEU PAI METIA COMO DOIDO EM SUA BOCETA ABERTA POR SUA BUNDA ARREBITADA. QUANDO MEU PAI SEGUROU FIRME NA CINTURA DELA, MINHA MÃE COMENTOU QUE MEU PAI IA GOZAR COISA QUE FEZ DANDO PARA VER A PORRA ESCORRENDO DE SUA PICA E MAIS QUE DEPRESSA MEU PAI SEGUROU NOS CABELOS DE MAI QUE NÃO MOSTROU RESISTENCIA INDO ABOCANHAR SEU CACETE MELADO CHUPANDO COMO LOUCA DEIXANDO ELE LIMPO, POREM DAVA PARA VER DECEPÇÃO EM SUA FACE PORQUE PAPAI NÃO ENDURECIA NOVAMENTE. ESTAVA QUASE GOZANDO A SECO SEM SABER O QUE PENSAR SENTINDO MEU CACETE DURO COMO POUCAS VEZES COM MINHA MÃE ME ACORDANDO COM UM TAPA NA CABEÇA PERGUNTANDO O QUE IAMOS FAZER E SEM CONSEGUI PENSAR EM NADA SEGUREI EM SUA NUCA PUXANDO A PARA MIM LASCANDO UM BEIJO EM SUA BOCA COM ELA INDO ACEITANDO AOS POUCOS FALANDO VEZ OU OUTRA, MESMO COM NOSSAS BOCAS GRUDADAS QUE NÃO FIZESSE AQUILO COM ELA, POREM QUANDO PRENSEI ELA NO ENCOSTO DO SOFÁINTENSIFICANDO A VOLUPIA DO BEIJO ELA ATÉ TENTO EVITAR QUE DESABOTOASSE SUA BLUSINHA EXPONDO SEUS LINDOS SEIOS DEIXANDO ELA CADA VEZ MAIS ENTREGUE ALTENANDO OS BEIJOS ENLOUQUECEDORES EM SUA BOCA COM CHUPÕES E APERTOS EM SEUS SEIOS, COM ELA ME PEDINDO QUE NÃO PARASSE. PODERIA TER FICADO SÓ NISSO PORQUE SENTIA VEZ OU OUTRA O CORPO QUENTE DE MAMÃE TREMER COM ELA GEMENDO ABAFADO EM NOSSAS BOCAS GRUDADAS, POREM QUANDO DESCONFIEI QUE ERA MEDO DE IR ALÉM, QUANDO ALISEI SUA BOCETA POR CIMA DA CALCINHA CHEGANDO A MELAR MEUS DEDOS, ELA SE IMPOS SANDO DALI FALANDO QUE AQUILO NÃO ESTAVA CERTO, ALÉM DO MAIS, MESMO SE QUISESSE JAMAIS IA FAZER ISSO LEMBRANDO QUE ERA SEU FILHO. MAMÃE FICOU UAM ETRNIDADE OLHANDO MEU CACETE QUE ALISAVA DELICADAMENTE DANDO PARA VER A GLANDE AVERMELHADA BRILHAR COM LIQUIDOS VISCOÇOS ESCORRENDO DELA E ASSIM QUE SUMIU AVISANDO QUE IA TOMAR BANHO E JÁ IA EMBORA, DEMOROU PARA ENTENDER MINHA DESCONFIANÇA QUE FORA UM CONVITE E ARRANCANDO AS ROUPAS ENQUANTO IA EM DIREÇÃO A ELA, ATÉ TENTOU SEGURAR A PORTA DO BOX SÓ LARGANDO QUANDO FALEI QUE SE NÃO QUISESSE MESMO TERIA IDO EMBORA E ME ABRAÇANDO ENQUANTO FALAVA QUE EU NÃO TINHA JEITO, QUE HOMEM É TUDO IGUAL ME ABRAÇANDO ME DEU O MELHOR BEIJO DA VIDA QUASE PERDENDO O FOLEGO QUANTO ENCOSTEI ELA NA PAREDE LEVANTANDO UMA DE SUAS PERNAS QUE VEIO PARAR EM MEU PEITO, QUANDO ENTREI EM SUA BOCETA QUE PEGAVA FOGO, ELA PIROU FALANDO QUE FOSSE DEVAGAR PORQUE MEU PAI TEM DEZOITO CENTIMETROS, EU VINTE E DOIS E JÁ TODO DENTRO DE SUA BOCETA QUE PEGAVA FOGO, ELA PIRAVA ANUNCIANDO ORGASMO INTERMINÁVEIS, QUANDO AVISEI QUE IA GOZAR ELA FALOU QUE QUERIA SENTIR MINHA PORRA E ASSIM QUE ENCHI SUA BOCETA ELA ESTREMECEU NUM ORGASMO FENOMENAL MORDENDO MINHA BOCA DESESPERADAMENTE FALANDO COISAS SEM NEXO, SE CALANDO DEREPENTE DANDO PARA VER PAVOR EM SUA FACE IMPLORANDO PARA QUE ME CALASSE AO OUVI MIA ME CHAMANDO PERGUNTANDO SE ESTAVA BEM E O QUE HAVIA ACONTECIDO, NESSE MOMENTO VI PAVAOR MISTURADO A EXCITAÇÃO EXTREMA QUANDO RESPONDI QUE TIVE QUE TIRAR AS ROUPAS AS PRESSAS PORQUE PRECISAVA IR AO BANHEIRO COM MINHA MÃE ARREGALANDO OS OLHOS QUE ME FULMINARAM QUANDO FALEI PARA ELA VIR PARA MIM E TODA DENGOSA FALOU QUE NÃO PORQUE PRECISAVA USAR O BANHEIRO E QUE A NOITE ME COMPENSARIA. MESMO GOZANDO DEMAIS PORQUE MEU TESÃO FOI A MIM FAZENDO MEU CACETE CRESCER MAIS AINDA DENTRO DE MINHA MÃE, ELA IMPLORAVA PARA DEIXAR ELA IR EMBORA ME LEMBRANDO QUE NÃO PODIAMOS DAR ESSE GOSTINHO PARA ELES. MAMÃE CHEGAVA A QUASE SURTAR ENQUANTO LEVANTAVA SEU CORPO COM ESTOCADAS FUNDAS EM SUA BOCETA TENDO QUE SEGURAR SEU CORPO QUANDO GOZOU A SENTIR MINHA PORRA INUNDANDO SUA BOCETA NOVAMENTE ME MANDANDO SAIR DALI PORQUE PRECISAVA TERMINAR SEU BANHO FICANDO MAIS CALMA QUANDO AVISEI QUE FICASSE EM PAZ PORQUE IA DAR UM JEITO PARA MIA NÃO VER ELA. ASSIM QUE ENTREI NO BANHEIRO NÃO VI MIA ME CHAMANDO ATENÇÃO SEU FIO DENTAL QUE ESQUECERÁ, COMO SEMPRE NO CHÃO, TODO MELADO DE PORRA E INDO PARA O QUARTO AINDA SÓ DE TOALHA, ELA NADA PODE FAZER QUANDO A AGARREI FAZENDO ELA CALAR QUANDO METI UMA TAPA EM SUA CARA, QUASE ESCULACHANDO ELA, POR SORTE LEMBREI DO AVISO DE MINHA MÃE E COM O CACETE DANDO CABEÇADA NO UMBIGO, DAVA PARA VER MEDO NOS OLHOS DE MINHA QUANDO SEGUREI SUAS PERNAS FAZENDO ELA CAIR DE COSTAS NA CAMA E ME IMPONDO, COM ELA IMPLORANDO MAIS QUE DAS OUTRAS VEZES QUE NÃO A CHUPASSE, QUANDO METI A BOCA EM SUA BOCETA MINHA EXCITAÇÃO FOI A MIL PORQUE EM POUCAS CHUPADAS SENTIA ELA SE MELANDO TODA E O GOSTO DIFERENTE DO LIQUIDO ESBRANQUIÇADO QUE ESCORRIA EM SUA BOCETA, COM CERTEZA ERA PORRA DE MEU PAI E NUMA EXCITAÇÃO QUE ME DEIXAVA A MIL SEM CONSEGUI PENSAR FIZ MIA GOZAR COMO DOIDA, PELA PRIMEIRA VEZ EM SEIS ANOS DE REALACIONAMENTO, TANTO É QUE NÃO SE OPOS QUANDO MANDEI QUE FICASSE DE QUATRO E ARREBITASSE A BUNDA, COM ELA ME PEDINDO EPLO AMOR DE ZEUS QUE FOSSE DEVAGAR AO ME VER COLOCANDO PRESERVATIVO E NÃO FOSSE PENSAR EM MINHA MÃE, TERIA MATADO ELA NA PORRADA, PORQUE DEPOIS DE METER MUITO EM SUA BOCETA MELADA, METI EM SEU CU SEM DIFICULDADE ALGUMA, O QUE ME DEIXOU SURPRESO PORQUE NUNCA DEU ELE PARA MIM E JÁ ESGOTADA, DE TANTO GOZAR E LEVAR NO CU, QUANDO CONSEGUI GOZAR FIZ QUESTÃO QUE FOSSE ME SUA BOCA COM ELA ME SURPREENDENDO MAIS UMA VEZ AO SUGAR MEU CACETE ENGOLINDO TODA PORRA, APESAR DE TER SIDO POUCA E DESDE ENTÃO TUDO VOLTOU AO NORMAL ONDE NEM LIGAMOS QUANDO ELA E PAPAI SOME SEM NOS DAR EXPLICAÇÃO, CADA UM ARRUMANDO DESCULPAS DIFERENTES E CLARO E NESTA VOU COM MAMÃE PARA NOSSO MOTEL PREFERIDO ONDE NOS ACABAMOS DE TANTO METER SENDO NOSSA INTENSÃO PLANEJAR NOSSA VINGANÇA. EM NOSSO ULTIMO ENCONTRO, MESMO RINDO MUITO, TANTO EU COMO MAMÃE FICAMOS PREOCUPADOS PORQUE ELA ESTA GRÁVIDA E ME FEZ JURAR QUE NÃO INTERFIRA QUANDO ALEGAR SER DE MEU PAI, POREM PARA ISSO TEREI QUE ACEITAR O FILHO DE MIA, QUE NÃO É MEU POIS NESSSES ULTIMOS MESES SÓ TRANSEI COM ELA USANDO PRESERVATIVO, POREM COMO DIZ MAMÃE, DEIXA ACONTECER QUE COM CERTEZA AS COISAS SE ACERTAM POR SI SÓ.

Ajude a manter a página Club Dos Contos Eroticos, faça uma doação em PIX [email protected], SUA AJUDA É MUITO IMPORTANTE.

1439 views

Contos relacionados

NOSSA MADASTRA!

SOZINHOS EM CASA DEPOIS DA ESCOLA, COMEÇAMOS A BRINCAR DE CASINHA ONDE MINHA IRMÃ GEMEA ERA A MAMÃE, EU O PAPAI E NOSSA IRMÃ MENOR NOSSA FILHA. SENTIA O CACETE PARECENDO FERRO DE TÃO DURO QUANDO...

LER CONTO

MAMÃE E EU.

CONFESSO QUE A PRINCIPIO FIQUEI MUITO MAL PORQUE NO ATO ACABEI CORRESPONDENDO POR NÃO CONSEGUI PENSAR EM OUTRA ALTERNATIVA, POREM COM O PASSAR DOS DIAS, AS LEMBRANÇAS PARECE QUE IAM SE PURIFICANDO...

LER CONTO

FAMILIA INCESTO!

ASSISTIA O VIDEO DA TRAIÇÃO DE MEU MARIDO PELA QUARTA VEZ SENDO OBRIGADA A ALISAR A BOCETA POR CIMA DA ROUPA A PRINCIPIO COM A EXCITAÇÃO A MIL NÃO CONSEGUINDO TIRAR OS OLHOS DA TELA PORQUE MEU...

LER CONTO

Lila e o filhinho corno III

Lila, a austera matriarca da família está com os nervos a flor da pele...mas , de excitamento. Uma semana atrás, ela, o marido e a neta Becky foram passar o fim de semana na mansão do seu filho...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 1 + 4 = ?
© 2024 - Club dos contos eroticos