Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Club dos contos eroticos » Contos Heterossexuais » Sexo gostoso dentro do carro !!!!

Sexo gostoso dentro do carro !!!!

Publicado em 19/01/2024 por PATRICINHA

Para participar do grupo em áudio envie PIX para [email protected]  , comprovante para @digopyro no Telegram.

Meu nome é Tatiane, tenho vinte e seis  aninhos, e quero contar uma loucura gostosa que fiz durante uma balada. Foi num fim de semana, estava na balada e com muita vontade de ser desejada por alguém, já que estava sozinha fazia uns cinco meses, necessitando de carinho, rsrs. Acabei conhecendo Marcelo, lindo, vinte e oito anos. Dançamos, conversamos e logo ele me convidou para um passeio no carro dele, e eu, doida para ganhar uns beijos, aceitei haha… Rodamos pela cidade até encontrarmos um local próximo de uma rua com pouco movimento, e ali começamos à nos beijar, e eu com muita vontade de ser desejada, sentia meu tesão aumentando naquela hora, e ele percebeu minha excitação e não perdeu tempo em querer me possuir, e eu como fazia meses que não via um pau, me senti uma grande safadinha naquela hora.
Comecei a atiçá-lo com mordidinhas em seu pescoço e em sua orelha, falando besteiras em seu ouvido, pedindo que ele arrancasse seu pau para fora e enfiasse-a em mim, para que eu pudesse gemer gostoso. Ele abriu a bermuda e abaixou a cueca, mostrando-me um pau grosso e gostoso. Minha buceta ficou molhada ao sentir tanto tesão. Cai de boca na mesma hora. Comecei a chupar e lamber. O câmbio do carro roçava em meus seios, enquanto eu fazia movimentos de “vai e vem”, com a pica inteira dele em minha boca. Enquanto eu chupava, ele ergueu minha blusinha e soltou meu sutiã. Levantei, erguendo a camiseta dele e ele a retirou… Beijamos algumas vezes, enquanto eu tirava minha blusinha e o sutiã de vez. Ele chupou meus peitos por alguns segundos, mas não era o forte dele, pois logo voltou a me beijar, o pau estalando de tão duro. Minha mão acariciava seu pau, como se estivesse batendo uma punheta gostosa para ele. Senti o pau inchar entre meus dedos e continuei alisando seu pau por cima. Quando ele percebeu que não aguentaria mais, pediu que eu levantasse minha saia e abaixasse a calcinha, para que ele pudesse penetrar em mim e eu obedeci… Ao ver minha buceta molhada vibrando, ele enfiou um de seus dedos. Gemi para provocá-lo. Percebi que seu tesão aumentou, pois logo retirou o dedo e me virou devagar. O carro era apertado, mas eu subi em cima dele, virada para a frente. Ele quis meter eu meu cuzinho, e eu deixei ele colocar. Bem devagar, o pau dele entrava rasgando e eu ali toda gozada de sentir aquilo tudo dentro de mim. Naquele momento, precisava sentir ele penetrando em minha xaninha, pois ela estava ardendo de desejo. Senti o pau grosso dele entrar. Segurei a cabeça dele mais perto de meu pescoço e ele apertou meus peitos bem forte. Subi e desci para que ele pudesse me comer gostoso, enquanto eu observava a rua deserta, à minha frente. Uma delícia! Ficamos nesses movimentos por alguns minutos, até que senti ele abaixando a mão por minha barriga e tocando a ponta de minha xana, próximo a seu pau. Gemi mais alto, ao perceber que o orgasmo se aproximava. O pau dele inchou dentro de mim e gozei gostoso, enquanto sentia o gozo dele encher toda a minha xaninha… Depois de mais algumas penetradas, voltei para o banco do passageiro. Beijamos mais algumas vezes e depois ficamos deitados no banco, descansando por algum tempo, ouvindo um som e elogiando os dotes sexuais um do outro.
Naquela noite consegui matar minha saudade e vontade de sentir um pau bem gostoso.

 

230 views

Contos relacionados

Transando na casa da Danny

Mais um conto real pra vocês Fui pro Centro da minha cidade, resolver uns problemas. Quando estava voltando, a Danny me ligou. - Oi, tá em casa? Quero transar... Era feriado em Porto Alegre,...

LER CONTO

Não acredito que essa enfermeira fazia isso

Eu ja comi uma enfermeira no hospital essa enfermeira ficava mexendo no meu pau todas as noites. Ela me dava um diesepam pra dormir dai um dia não tomei daí  a noite ela fazia como em todas as...

LER CONTO

A recepcionista da escola de enfermagem II

Contos eroticos A recepcionista da escola de enfermagem II, em áudio. Depois da nossa primeira vez inesquecível e muito picante, em outras oportunidades rolava umas rapidinhas e beijos, mas...

LER CONTO

Que despertador!

Contos eroticos Que despertador em audio 2024. Como eu e a Síl já tínhamos gozados e estávamos exaustos, cai sobre a cama, cansado e suado. Ela por sua vez ainda estava recuperando o folego...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 2 + 2 = ?
© 2024 - Club dos contos eroticos