Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Club dos contos eroticos » Contos interraciais » Fui encoxada dentro do metrô por um homem negro.

Fui encoxada dentro do metrô por um homem negro.

Publicado em 29/05/2023 por Laura Gomes Braga

Vou contar como foi a encoxada dentro do metrô por um homem negro desconhecido foi no dia que estava acontecendo uma greve dos motoristas de ônibus . Tudo se deu da seguinte maneira  eu voltava de uma clínica de estética que fica na mesma linha do metrô do meu bairro que é o Campo Limpo , antes de mais nada quero dizer que eu gosto muito de usar calça legging sempre uso e neste dia eu usava uma legging preta modelo academia apertada , extremamente fina que super marcava minha bunda volumosa e deixava transparecer o tamanho de minha buceta , eu usava uma regata vermelha justa que mostrava parte do meu decote eu estava sem sutiã meus seios se destacavam dentro da regata eu usava uma jaqueta jeans desabotoada bem aberta por cima da regata.

O metrô naquele dia estava super lotado , muito cheio até porque era o horário de pico e além do mais era dia de greves dos motoristas de ônibus , tinha filas para entrar nos vagões , quando entrei fui empurrada, de cara senti alguém passando as mãos em minha bunda volumosa na legging ,e também senti alguém passando as mãos em meus seios , até parecia que eu estava sendo esmagada por várias pessoas nada que de incomum nós transportes públicos aqui em São Paulo sempre foi assim e sempre será. Atrás de mim tinha um homem negro mais velho que eu, só que em poucos minutos senti algo endurecendo bem na minha bunda , já comecei a ficar de imediato excitada em saber que era bem possível aquele homem negro mais velho que eu estava com o pau duro na minha bunda por cima da legging.

Fui encoxada dentro do metrô por um homem negro.

Fui encoxada dentro do metrô por um homem negro.

Como estava super cheio o vagão eu não tinha o que fazer, muito menos mudar de lugar,preferi me fazer de sonsa, fingindo não tomar conhecimento da situação e ignorar aquele homem negro atrás de mim com o pau duro na minha bunda,porém depois de um tempo ele passou as mãos nas minhas coxas alisando meu corpo ,eu fiquei na minha , quieta , esperei , quando ele viu que eu não protestei contra a atitude dele de assédio ele aproveitou esfregando o pau mais ainda na minha bunda , ele estava afim de me possuir sem se importar onde estávamos ,sem eu mesma notar estava empinado a bunda prá ele ,o homem falou no meu ouvido “tá gostando safada né”, eu estava adorando e louca querendo sentir aquele pau em minha buceta. Ele começou a socar como se estivesse metendo em mim, ele pervertido levou a mão para a minha buceta mas por cima da legging , mas sentiu o tamanho dela e falou no meu ouvido “moça que bucetão você tem hen!”Tá com tesão né gostosa?” Não respondi , nisso o safado insistiu com a pergunta “Tá com tesão né gostosa?” Só balancei a cabeça positivamente com esse meu gesto foi minha autorização que dei para aquele homem negro fazer o que ele bem quisesse comigo no metrô. Ele começou a apertar meus seios os bicos já estavam mais acesos e mais durinhos na blusa , como ela era muito decotada o homem tarado colocou a mão por dentro dela apertando o biquinho de um dos meus seios ,mas logo ele tirou a mão acho que ele ficou com medo de alguém ver , todavia eu estava com a respiração ofegante e minha buceta molhadinha. Nisso comecei discretamente rebolar no pau dele com ele falando baixinho no meu ouvido palavras obscenas tipo assim “puta ,safada , cadela , vadia,” etc , o que me deixava com mais tesão , entretanto o que eu menos esperava que no esfrega esfrega o tarado  encoxador de mulheres havia colocado o pau prá fora da calça, contudo só percebi isso quando senti minha legging preta finíssima ficando melada de porra e o safado continuou bombando na minha bunda por cima da legging , mas bem por cima do meu cuzinho,me melando mais ainda.

Desci na estação do Metrô Campo Limpo ,tive que limpar minha legging, quando cheguei aqui em casa eu tinha limpado um pouco aquela porra , porém tinha ficado bastante ainda grudada na minha calça legging,eu estava com a buceta molhadinha, aí o meu consolo foi bater uma deliciosa siririca imaginando enterrado em minha buceta o pau daquele homem negro desconhecido do metrô e que me deixou completamente excitada , com uma vontade extrema de meter com ele . Gozei deliciosamente com aquela siririca e chupei meus dedos .

Com amor e carinho Laura Braga.

1258 views

Contos relacionados

A longa noite do despertar de Carolina

Naquela noite comemoravam um mês de feliz união, foram comemorar na casa de campo da família a cinquenta   quilômetros da cidade, ainda empolgados com o recém casamento curtindo uma intensa lua...

LER CONTO

Dei gostoso a buceta para um morador de rua dentro da casa abodonada _3.

Olá meus amores ! Depois de ter passado dois meses sem ver o morador de rua aquele que dorme naquela casa abandonada , confesso que cheguei a sentir falta dele e senti saudades do pistolão enorme...

LER CONTO

Dei gostoso a buceta para o eletricista.

Essa história aconteceu comigo no dia que saí do trabalho mais cedo para resolver algumas coisas particulares , quando eu cheguei na rua a qual eu moro vi um homem negro de uns 45 a 50 anos com...

LER CONTO

Clara

Contos  eroticos Clara, em áudio. Sentiram minha falta? Mais um conto real pra vocês Estava precisando perder peso, sempre gostei de correr, então achei melhor ir pra um parque que fica...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 2 + 4 = ?
© 2024 - Club dos contos eroticos