Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Club dos contos eroticos » Contos Cdzinhas » Eu sou uma TRIGRESA

Eu sou uma TRIGRESA

Publicado em 11/11/2022 por charlinhos

NÃO CONSEGUIA ACREDITAR QUE HAVIA CEDIDO A ORDEM DAQUELE CRETINO PERDIDO NUM MISTO DE VERGONHA, MEDO E EXCITAÇÃO PARADO NAQUELA RUA POUCO ILUMINADA ONDE  VEZ OU OUTRA PASSAVA ALGUÉM USANDO UM VESTIDINHO DE LÃ SUPER CURTO TENDO QUE PUXAR CONSTANTEMENTE PARA BAIXO PARA NÃO MOSTRAR A BUNDA PORQUE A MINÚSCULA CALCINHA PRETA ENTRAVA CADA VEZ MAIS NELA A MEDIDA QUE MEU CACETE ENDURECIA E BOTAS PRETAS DE SALTINHO. DOMINADO PELO PRAZER NEM ME ESCONDIA MAIS QUANDO PASSAVA ALGUÉM PARA ME FAZER PROPOSTAS. NUMA DESSAS QUASE ESPORREI NA CALCINHA QUANDO DEBRUCEI NA JANELA DO CARRO PARA OUVIR O CONVITE DAQUELE CASAL COM UM CARINHA PASSANDO A MÃO EM MINHA BUNDA ME FAZENDO DAR UM GRITINHO DE SUSTO E SURPRESA O QUE ME DEIXOU BASTANTE SEM GRAÇA. PIREI MESMO FOI QUANDO MEU CUNHADO PAROU O CARRO ME CHAMANDO COM MINHA IRMÃ AO LADO E APAVORADO SAI DALI AS PRESSAS ENTRANDO NUMA VIELA COM O FILHO DA PUTA ME PEGANDO NA RUA DEBAIXO ME AGARRANDO AMEAÇANDO ME BATER ME FAZENDO FICAR SUBMISSA A ELE QUE ME PRENSOU NO MURO SEGURANDO FIRME EM MEUS CABELOS ME OBRIGANDO A ARREBITAR A BUNDA ME DEIXANDO MORTO DE VERGONHA PORQUE PESSOAS PASSAVAM, COM ALGUMAS PARANDO PARA NOS VER. CHORAVA MUITO PEDINDO QUE NÃO FIZESSE AQUILO COMIGO QUANDO DELIREI SENTINDO AS MÃOS MACIAS DE MINHA IRMÃ TIRANDO MINHA CALCINHA  DEIXANDO A NO MEIO DE MINHAS PERNAS E ABAIXANDO PEGOU O CACETE DO MARIDO QUE PARECIA UMA TORA CHUPANDO COMO DOIDA APROVEITANDO PARA MOLHAR ELE DE SALIVA E CUSPINDO EM MEU CU DIRECIONOU AQUELE  CACETÃO PARA MEU CU E ABRINDO MINHA BUNDA SEGUROU ELE FIRME COM A GLANDE PRESA NA ENTRADA DE MEU CU E QUANTO MAIS TENTAVA ESCAPAR ELE FORÇAVA TENTANDO METER EM MIM FALANDO QUE IA ME ARROMBAR IGUAL FEZ COM MINHA IRMÃ. QUANDO A GLANDE ENTROU LEVANDO BOA PARTE PARA DENTRO SÓ NÃO GRITEI DE DOR PORQUE O FILHO DA PUTA ME PRENDA A NA PAREDE MORDENDO MEU PESCOÇO E OMBRO ENQUANTO PEDIA CALMA ME CHAMANDO DE TIGRESA. CHORAVA MUITO COM MINHA IRMÃ ME INCENTIVANDO FALANDO QUE IA FICAR GOSTOSO PARA, QUANDO DEI POR MIM ELE ESTAVA ATOLADO EM MEU CU COM MINHA IRMÃ ALISANDO MEU CORPO APERTANDO VEZ OU OUTRA MEU CACETE ENQUANTO SEU MARIDO METIA SEM DÓ EM MEU CU ME FAZENDO GEMER DE DOR. QUANDO ELE LEVANTOU UMA DE MINHAS PERNAS SEGURANDO A NO AR, ENTROU DE VEZ EM MIM E COMO NUM PASSE DE MÁGICA A DOR DEU LUGAR A UM PRAZER QUE ATÉ HOJE NÃO CONSIGO DESCREVER E MESMO RECLAMANDO POR NÃO QUERER DAR O GOSTINHO DE SABER QUE ESTAVA ADORANDO, ELE ME XINGAVA ME COMPARANDO COM MINHA IRMÃ FALANDO QUE EU E QUE SABIA  DAR O CU ENQUANTO ME CHAMAVA DE TIGRESA MANHOSA RINDO AO ME VER JOGANDO A BUNDA COM FORÇA EM SEU PAU QUE INCHANDO CADA VEZ MAIS DENTRO DE MIM ME FEZ DELIRAR NÃO DANDO PARA SEGURAR QUANDO MINHA IRMÃ CHUPOU MEU CACETE SOLTANDO UM UAU ANTES DE ABOCANHAR NÃO CONSEGUINDO SEGURAR SUA SAIA QUE LEVANTEI EXPONDO SUA BUNDA PARA QUEM QUISESSE VER, QUANDO CONSEGUI METER OS DEDOS EM SUA BOCETA MELADA, ELA GEMEU ABAFADO FALANDO QUE ESTA GOZANDO ME FAZENDO ENCHER SUA BOCA DE PORRA ENQUANTO SEU MARIDO ENCHIA MEU CU DE PORRA COM ESTOCADAS VIOLENTAS ME FAZENDO RALAR A CARA NA PAREDE, QUANDO MINHA IRMÃ ME ENCAROU COM OLHOS DE TERNURA, QUANDO IA ME BEIJAR SEU MARIDO NÃO DEIXOU PUXANDO SUA CABEÇA PARA BEIJAR COMO LOUCO A BOCA DA ESPOSA ME FAZENDO RIR COM ELE BRIGANDO COM ELA QUANDO SENTIU O GOSTO DE MINHA PORRA NA BOCA DA ESPOSA E SAINDO DALI PUTO DA VIDA MINHA IRMÃ FICOU COMIGO PARA ME  AJUDAR A ME LIMPAR E ME RECOMPOR. CAMINHAVA DE MÃOS DADAS COM MINHA IRMÃ QUE ME LEVOU PARA SUA CASA PORQUE NOSSOS PAIS NÃO PODIA ME VER  ASSIM VESTIDO DE PUTINHA. ESTAVA NO BANHO E MESMO COM O CU DOLORIDO ME SENTIA PLENO E SATISFEITO ME SENTINDO UMA VADIA FELIZ PORQUE ISSO DESPERTOU ALGO EM MIM E ALISANDO OS MAMILOS PENSAVA NA POSSIBILIDADE DE COLOCAR SEIOS ME ASSUSTANDO COM  MINHA IRMÃ QUE ENTROU TIRANDO AS ROUPAS JOGANDO A CALCINHA EM MINHA CARA RINDO ME CHAMANDO DE PORCO QUANDO CHEIREI ELA, JUDIANDO MUITO DE MIM PORQUE ME BEIJAVA COM MUITO TESÃO DEIXANDO ALISAR SEUS SEIOS E BOCETA, POREM NÃO ME DEIXAVA METER DE JEITO NENHUM ALEGANDO SER PECADO. QUANDO CONSEGUI CONVENCER DE ME DEIXAR AO MENOS CHUPAR SUA BOCETA ELA RIU AFIRMANDO QUE IA ADORAR FAZER ISSO PORQUE SEU HOMEM QUASE NÃO A CHUPA E DEITADA DE PERNAS ABERTAS SEGURANDO MINHA CABEÇA COM A BOCA ENTERRADA EM SUA BOCETA ELA DELIRAVA EM  ORGASMOS INTERMINÁVEIS, E VEZ MAIS DOIDO OUVIA ELA FALAR QUE SEU MARIDO ENTRARIA A QUALQUER MOMENTO E NÃO ME DEIXARIA FUGIR ENQUANTO ELE IA METER A PICA NOVAMENTE EM MINHA BUNDA, QUANDO ESTREMECEU NUM  ORGASMO ENLOUQUECEDOR ESTICANDO O CORPO VIRANDO A CABEÇA PARA TRÁS, QUANDO DESPERTOU VOLTANDO A SI NÃO ADIANTOU GRITAR ESPERNEAR, PUXAR MEUS CABELOS E ARRANHAR MEU CORPO PORQUE NADA DESTE MUNDO ME TIRAVA DE DENTRO DELA QUE ACABOU CEDENDO GOZANDO COMO NUNCA ANTES, SEGUNDO ELA PORQUE NUNCA TEVE UM CACATE TÃO GRANDE DENTRO DE SUA BOCETA, POREM QUANDO GOZEI ATENDI SEU PEDIDO SUJEI SEUS SEIOS E CARA DE PORRA POR GOZAR EM CIMA DELA. ESTAVA QUASE CONVENCENDO ELA ME DEIXAR METER MAIS QUANDO SEU MARIDO CHEGOU ME OBRIGANDO A SAIR AS PRESSAS DALI INDO ME ESCONDER NO BANHEIRO. HORAS DEPOIS ENCONTREI MINHA IRMÃ E CUNHADO NA COZINHA COM MINHA IRMÃ ME OLHANDO COM CARA FEIA, MAIS AINDA QUANDO SEU HOMEM VEIO PARA MIM ME RECEBENDO COM UM ARDENTE BEIJO NA BOCA ELOGIANDO MEU CORPO COM A MÃO EM MINHA BUNDA AO ME VER  USANDO CALÇA LEGGING DA ESPOSA MARCANDO O FIO DENTAL E MINI BLUSA. DEPOIS DE UMA JANTA DELICIOSA ELE ME MANDOU TIRAR A CALÇA E ARRUMAR A COZINHA AVISANDO QUE CUIDARIA DA ESPOSA E DEPOIS SERIA MINHA VEZ. A CADA GEMIDO E GRITINHO DE MINHA IRMÃ, QUE FAZIA ISSO PARA ME PROVOCAR, SENTIA O CACETE MAREJAR DENTRO DA CALCINHA NUMA ANSIEDADE SEM FIM E COM O PRAZER A FLOR DA PELE, ASSIM QUE OUVI O CHUVEIRO CORRI PARA O QUARTO E COM O CORAÇÃO A MIL AJOELHEI NA CAMA MAMANDO COMO PUTA O CACETE MELADO DO CUNHADO QUE ACABOU DORMINDO COM MINHA IRMÃ SAINDO DO BANHO ME MANDANDO DESISTI  PORQUE NÃO IA FICAR DURO NUNCA. ESTAVA COM A BOCA DORMENTE DE TANTO MAMAR TENDO QUE DEITAR AO LADO DO CUNHADO PORQUE MINHA IRMÃ NÃO ME DEIXAVA NEM PENSAR EM TOCAR EM SEU CORPO E ASSIM CHEIO DE MAUS INTENÇÕES DEITEI PARA ESPERAR ELA DORMIR, POREM DORMI JUNTO. ACORDEI HORAS DEPOIS COM MEU CUNHADO FORÇANDO A VIRAR A BUNDA PARA ELE, QUANDO CONSEGUIU METER ENFIANDO QUASE AS BOLA EM MEU CU, ME BEIJOU GOSTOSO PARA ABAFAR MEUS GEMIDOS, POREM ESTA PARTE CONTAREI EM BREVE PARA VOCÊS.

1568 views

Contos relacionados

PRIMEIRA VEZ NO SWING

Olá, Neste conto eu vou falar da minha primeira vez em uma casa de swing,tudo começou quando eu vi um anuncio no site de relacionamento que teria uma noite trans em uma casa de swing, e como eu...

LER CONTO

Virei cdzinha de um coroa

Virei cdzinha de um coroaOlá , sou hoemem, 27 anos, casado, tenho em média  1,88 de altura, Moreno e olhos castanhos escuros. Desde os meus 13 anos sempre senti atração  em homens, porém  ...

LER CONTO

Me descobrir uma cdzinha romântica

Me descobrir uma cdzinha românticaEu sinto prazer (da até  um frio na barriga) quando eu imagino ser a "mulherzinha" de uma relação, Sou branca, 1,68m, 73kg. Sinto agua na boca quando imagino...

LER CONTO

COISAS EM FAMILIA

MEU PAI SEMPRE ME TACHOU DE VIADINHO PORQUE EM NOSSA FAMILIA SEMPRE DEI ATENÇÃO AS MULHERES, TENDO VEZES QUE DSIPENSAVA OS TRUCOS E BEBEDEIRAS PARA FICAR CONVERSANDO COM ELA E COMO NÃO PODIA SER...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 4 + 2 = ?

Parceiros Do Site

© 2024 - Club dos contos eroticos