Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Club dos contos eroticos » Contos Cornos » Dei para o chefe do meu marido

Dei para o chefe do meu marido

Publicado em 31/10/2023 por Fernada

Contos eroticos  Dei para o chefe do meu marido , em áudio .

Contos eroticos  Dei para o chefe do meu marido

Contos eroticos  Dei para o chefe do meu marido

Descobri este site e leio sempre contos eróticos daqui. Como tenho uma experiência inusitada em minha vida, tomei coragem para compartilha-la aqui. Meu nome é Adriana e meu marido se chama Elias. Eu sou bancária e ele é  gerente em uma pequena empresa. Eu tenho 32 anos e ele 39. Sou loira, corpo bem torneado, faço academia, pernas e cabelos longos, olhos claros, verdes. Ele é moreno, gostosinho, um pouco com barriga  ultimamente. Ambos somos de altura mediana 1, 75 eu e ele 1,78. Ele trabalha de gerente Administrativo em uma pequena indústria de transformadores, e é o segundo homem depois do dono que comanda a empresa.

Meu marido já sabia que seria mandado embora no início de 2023, em Janeiro,  pois já haviam cantado a bola pra ele, e além de tudo a forma como o patrão estava tratando ele nos últimos tempos, estava na cara que era pra ele pedir a conta. Como ele não ganhava mal, a depressão já estava rondando, mas em Janeira deste ano o desemprego seria inevitável segundo ele me falou.

No final do ano passado (2022), a firma dele deu um churrasco numa chácara na cidade de Arujá, e todos fomos, inclusive eu. Conversas, cervejas, bebidas, eu fui com uma calça jeans índigo blue, apertadinha,  que mostrava a marca da calcinha levemente. Uma camiseta básica branca… estava entre o discreta e gostosa.

porno telegram

Ao ser apresentado ao chefe dele, parece que estava me comendo com os olhos, ficou fazendo gracejos, falou que o Elias nunca havia dito que tinha uma esposa tão bonita. Ele é divorciado e vive sozinho em sua mansão num condomínio de luxo em Cotia. Chama-se Pedro Ivo.

Meu marido foi levando a conversa (se tem uma coisa que meu marido sabe bem é gerenciar conversa de roda de amigos, é um líder nato). Foi me fazendo ficar à vontade e o assunto fluiu natural. Verdade seja dita, que o patrão dele nem é tão velho pra ter a vida que tem, e não é um besta quadrado para falar, super inteligente e agradável. Uns 40 anos, saradinho de academia, super desenvolto e simpático. Fiquei pensando que seria uma pena meu marido ser despedido.

Após falar que trabalhava em banco, vendia planos de investimentos, ele disse pra eu dar meu telefone a ele que gostaria de saber os investimentos a ser feitos.

Na segunda feira mesmo, logo cedo,  primeiro dia de férias coletiva, ele nos telefonou e pediu pra irmos em seu condomínio pra almoçarmos lá, também falou que era para levarmos roupa de banho pra desfrutarmos da piscina, e  disse que gostaria de conhecer os investimentos do banco.  É claro que tanto eu quanto Elias percebemos que aquilo era conversinha, e falei no meio do caminho pro Elias: e se ele quiser me comer ? Aí a gente negocia, se ele não me mandar embora eu deixo ele te comer? A brincadeira do meu marido me deu um tesão enorme. Então falei: “concordo, mas somente se vc me comer junto com ele, tenho medo sozinha”. Meu marido olhou pra mim sorrindo e disse, “feito”.

Fui com um vestidinho florido e curto, que mostrava minhas coxas ao sentar, levei o bikini na bolsa, vai saber. Ele mesmo estava preparando o churrasco, vestia um shorts de tecido sintético fino, apertado que terminava no meio das coxas, que não chegava no joelho, sem camisa, o que me deu um tesão enorme. Notei o volume do pau dele, e acho que ele notou, mas desviei o olhar rapidamente. Seu peitoral era lindo, musculoso, e pelo fato de ele ter percebido que apreciei, ficou meio exibidinho, mas confesso que gostei dele. Me deu muito tesão só de olhar.

No meio da conversa ele disse ao Elias que confessava que pensou em mandar ele embora porque a Carla, chefe da administração estava forçando a barra, mas que ele havia caido em si, visto que Elias era um grande profissional, e que não iria fazer isso. Ao contrário, iria dar treinamento de Gestão pra ele.

A conversa foi indo, o churrasco tbm,  cervejinha aqui e ali, e a tarde quando íamos entrar na piscina, perguntei a ele onde poderia me trocar, ele então me levou no quarto acima, e me deixou à vontade para me trocar ali, e saiu. Eu nem fechei a porta, e fui tirando o vestido. Estava peladinha e com o  bikini na mão, foi quando notei que ao invés dele descer, ele foi fazer algo no outro quarto, e quando passou no corredor, me viu por instante toda pelada, eu estranhamente não me assustei. Ao contrário, me deu um tesão gostoso, e gostei, queria até ter sido mais apreciada por ele, que passou e me viu sem expressão e sem falar nada, desceu. Eu fiquei molhadinha. E após me trocar, todos entramos na piscina. Começamos uma espécie de brincadeira de pega pega, e os dois se esbarravam em mim, foi quando senti o pau do Pedro Ivo duro roçado nas minhas ancas e acima do quadril.

Aquilo me deixou louquinha de tesão. Olhei para meu marido e sabia que ele tinha tesão de me ver dando pra outro, mas isso nunca havia acontecido.

Cada momento os movimentos do Pedro Ivo foram mais deliciosos e as roçadas mais arrojadas. O Elias disse que precisava ir ao banheiro, e ao sair, olhou pra mim e piscou. Eu que vivi tanto tempo ao lado deste homem que tanto amo, sabia que ele eestava dizendo com a piscada: “aproveita e encanta meu patrão, ele está caidinho por você”. Na brincadeira com a bola, ele roçou o pau dele, que estava duríssimo, na minha bunda, e aproveitando o vácuo do Elias, me abraçou por trás e passou a palma das mãos nos meus peitos. Como quem estava apenas querendo retirar a bola de mim. E por fim, me pegou no colo na água. Eu, sem querer querendo, passei a mão roçando o pau dele umas duas vezes. Cheguei a segurar mesmo rapidamente o pau dele, em uma das vezes.

Quando escureceu, saímos da piscina e fomos tomar banho, o Pedro estava explicando que havia 3 banheiros dentro da casa, e que cada um podia tomar banho em cada um deles, mas que por algum problema os banheiros de cima não jorravam bem, e se preferíssemos poderíamos tomar banho todos  no mesmo banheiro embaixo “mas não simultaneamente, é claro”. Foi aí que o Elias deu a deixa, e disse: “e por que não?” kkkkk. ele mais do que rápido disse: “vocês quem sabem, se quiserem podemos tomar banho todos juntos, eu iria adorar”.

E assim, a conversa tomou um rumo descontraído e decidimos entrar todos no mesmo banheiro.

Eu estava molhadinha ao tirar a parte de cima do bikini, e eles retiraram a sunga. O pau do Elias é grande e fino, o do PEdro Ivo era menor mas um pouco mais grosso. O do Pedro Ivo já estava duro, duro feito rocha, e aquilo me deu muito tesão. O pau do Elias estava a meio fio, mas depois endureceu.

Os dois me esfregavam com sabonete, passavam a mão em meu corpo, que delícia. O Pedro foi passando as mãos por entre as minhas pernas até que alcançou minha buceta escondida por meu bikini, então o Elias retirou e disse pra ele se servir. Eu já quase não aguentava de tesão. Saímos depois do banho e fomos para a cama após nos enxugarmos. O Pedro abriu minhas pernas e começou a chupar minha buceta, enquanto eu chupava o pau do Elias. Depois ele – o Pedro colocou a camisinha e enfiou o pau duro e grosso em minha buceta, que delícia. Parecia que éramos um trio que fazíamos isso há séculos. Ele me pegou de quatro, mete com muito mais força que o Elias. Depois de frente, colocou minhas pernas em seu pescoço e meteu, meteu, ai.. que delícia. Gozei três vezes de tanto prazer. Depois dormimos ali todos na mesma cama.

Até hoje vamos na casa do PEdro ao menos uma vez ao mes. Transamos gostoso e ficamos ali. E o melhor de tudo. O emprego do Elias está garantido. Formamos um trio muito joia. Ah… e a vaca da tal da Carla foi mandada embora, e descobrimos que ele – o Pedro Ivo comia ela e ela estava tentando manipular ele para obter a vaga do Elias. Então pedi a ele escondido do Elias, que mandasse a Carla embora, ou jamais iria me comer novamente.

Ajude a manter a página Club Dos Contos Eroticos, faça uma doação em PIX [email protected], SUA AJUDA É MUITO IMPORTANTE.

2761 views

Contos relacionados

A recaída de Lívia

O forte cinquentão quase se engasgou com a sobremesa que estava comento em pé, encostado no umbral da porta da cozinha, quando Livia, sua Nora ao aproximar-se dele, pôs as duas mãos no decote da...

LER CONTO

A mulher do meu pior inimigo

Eu nao me dava bem com o banana do maridinho dela. Tem dois anos a gente fez na aqui na rua. Comi ele na porrada. Cheguei a ficar com pena da humilhacao. Foi ele que pediu. Mas entao. Ela sempre...

LER CONTO

Melhor ginecologista que minha mulher teve

Melhor ginecologista que minha mulher teve Dois de uns seis meses de casado,minha mulher queria engravidar,fomos procurar um medico um ginecologista mulher. Mas a minha mulher não  gostou, Uma...

LER CONTO

Minha Mãe com o Negão

conto erotico Minha Mãe com o Negão 2024 2 Sou o Fernando. Essa é uma história real. O ocorrido faz alguns anos. Eu tinha uns 20, minha mãe tinha uns 37. Ela tava loira naquela época, com os...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 2 + 4 = ?
© 2024 - Club dos contos eroticos