Bem Vindo, visitante! [ Entrar | Cadastro ]
Club dos contos eroticos » Contos Incestos » Sonhava em fuder o cuzinho da minha prima

Sonhava em fuder o cuzinho da minha prima

Publicado em 26/04/2021 por Moreno

Sonhava em fuder o cuzinho da minha prima

Olá  hoje vou contar a primeira vez que minha prima liberou o cuzinho,  já fudia ela a um certo tempo

Estávamos combinando de nos ver naquele dia, pois eu sairia mais cedo do trabalho, pra encontrar ela.

Chegamos ao motel, fomos tomar banho juntos. No chuveiro, nos beijamos, mas logo em seguida eu já estava mamando aqueles peitos oferecidos a mim, não tinha como recusar.

Em seguida, ela se abaixou e começou a chupar minha rola ali mesmo no chuveiro, mostrando pra mim que só ela faz como eu gosto. Sentei no chão, e chamei ela, comecei a chupar aquela buceta, enquanto ela esfregava rebolando a buceta na minha cara, que delícia. Até que eu falei pra irmos pra cama, ela saiu do banho, secou-se e deitou-se na cama.

porno telegram

Quando cheguei, ela nem esperou eu tirar a toalha, e foi pegando meu pau e levando-o a sua boca.

Seus olhos meios fechados foi muito foda de ver, saboreava, degustava meu pau sem pressa e com muita vontade. Comecei a chupar sua buceta de novo, colocando meus dedos lá dentro, ela já estava ao delírio, e a buceta molhadíssima.

“Sonhava em fuder o cuzinho da minha prima”

Comecei a socar meu pau gostoso naquela buceta, ela gritava de tesão, nunca a vi daquele jeito em mais de 10 anos. Ela gozou no meu pau, mas eu estava louco pra melar ela todinha de porra, tirei, ela começou a bater uma punheta e chupar meu pau, esfregava nos peitos, até que gozei do jeito que eu queria, na cara e nos peitos dela, ela achou o máximo, e continuou chupando até a última gota.

Demos uma pausa, para comer algo, tomamos outro banho, mas ainda mantendo o aquecimento, comemos, deitamos na cama e ela pediu pra colocar um filme pornô.

Na cena, estava rolando anal… começamos o segundo tempo, ela deitada na cama, uma perna pra baixo e outra pra cima, ela gritava mais alto do que na primeira vez, olhando nos meus olhos e gemendo mais e mais… eu achava aquilo o máximo, até que ela me pede pra me aproximar do rosto dela falando que quer me falar algo no ouvido… ela sussurra… “Põe no meu cuzinho”…

Rapaz… não acreditei… Tirei da buceta, ela mesmo tensa porque ia levar no cu, mas naquela posição não tinha como… falei pra ela ficar de 4 ela com medo de doer, eu falei pra ficar tranquila e deixar comigo…

Ela empinou aquela rabo, coloquei no cuzinho com toda calma, até que ela relaxou aí foi que foi… caralho, que  praticamente 0 km, ela tentou só 1 vez e não conseguiu… soquei no cu dela, inicialmente bem devagar e sem pressa ela continuava gemendo gostoso, rebolava e pedia mais rola no cu… aí comecei a bombar pra valer…

Depois de anos sonhando isso, finalmente enchi aquele cu de porra… e ela adorou, nos beijamos e ficamos um tempo naquela posição…

Já combinando o próximo encontro… falou que foi muito gostoso e que eu fui sensacional, e falou que vai querer de novo. Mal posso esperar o próximo pra compartilhar aqui também, a próxima será uma DP.

Ajude a manter a página Club Dos Contos Eroticos, faça uma doação em PIX [email protected], SUA AJUDA É MUITO IMPORTANTE.

2653 views

Contos relacionados

FALSO INCESTO – 2

Escute o conto  FALSO INCESTO - 2 em áudio Parte 2 Parte 3 Parte 4 Parte 5 Final Aparentando uns quarenta anos, o sessentão Vinicius, que na juventude foi classificado para as...

LER CONTO

A compulsão incestuosa de Ylena II

O noivo de Ylena dormia no andar de cima, enquanto, na biblioteca, ela cavalgava em seu pai, fazendo entrar e sair a grossa rola dele de seu cuzinho guloso!! Esta já era a quarta noite que Ylena e...

LER CONTO

Dei um chá de buceta no meu enteado real

Alguns meses como madrasta acabei me apaixonando pelo meu enteado História Real Olá me chamo Jéssica tenho 20 anos , branca, magra, seios médios, cabelo longo, me acho atraente. Meu ex namorado...

LER CONTO

Masturbação mutua de primo e prima

Eu e minha prima passamos para a mesma faculdade e para não termos muitas despesas fomos morar juntos, em casa andávamos a vontade, não tinha maldade nenhuma somos primos até que um dia estava...

LER CONTO

0 - Comentário(s)

Este Conto ainda não recebeu comentários

Deixe seu comentário

2000 caracteres restantes

Responda: 4 + 2 = ?
© 2024 - Club dos contos eroticos